Florianópolis detalha vacinação para idosos acima de 75 anos

Vacinação do grupo depende da chegada de novas doses ao município; assim que disponíveis, os idosos deverão realizar o agendamento para evitar aglomerações

Os Centros de Saúde de Florianópolis já estão realizando uma lista nominal de todos os idosos, com mais de 75 anos, que serão imunizados contra a Covid-19, conforme novos lotes de vacina cheguem ao município.

Florianópolis detalha imunização na CapitalA vacinação de idosos acima de 75 anos será feita conforme novas doses forem enviadas para o município – Foto: PMF/Chaiana Muller/Divulgação/ND

O registro leva em conta as prioridades de imunização elencadas pela equipe técnica da pasta e é feito por área de abrangência.

Assim que disponíveis, os idosos deverão agendar a vacinação pelo Whatsapp da equipe para evitar filas e aglomerações. A imunização de acamados será realizada em casa.

Embora os idosos também contemplem a primeira fase prevista no município, eles ainda não começaram a ser imunizados por causa do pequeno número de doses recebidas até então. De acordo com a prefeitura, no entanto, os locais de vacinação serão divulgados nas próximas semanas.

Doses aplicadas

Até a manhã desta sexta-feira (29), 5.159 profissionais da saúde e idosos  acolhidos em Instituições de Longa Permanência já haviam recebido a primeira dose da vacina contra o novo coronavírus, segundo o vacinômetro. Dentre eles, 4.605 pelo imunizante Coronavac, e 554 pela vacina de Oxford.

Doses da vacina de OxfordEm Florianópolis, 5.159 pessoas já receberam a primeira dose da vacina  – Foto: Julio Cavalheiro/Secom/ND

A campanha de vacinação na Capital pode ser acompanhada pelo sistema da prefeitura que amplia as informações divulgadas à população sobre a Covid-19. A plataforma atualiza, de uma a duas vezes por dia, o número de pessoas que receberam a vacina contra a Covid-19 na cidade.

Primeira fase

A primeira fase do Plano Municipal de Vacinação é destinada aos trabalhadores da saúde que atuam no município, idosos acima de 60 anos acolhidos em Instituições de Longa Permanência e idosos acima de 75 anos residentes na cidade. A aplicação é feita conforme a chegada de novas doses dos imunizantes.

Entre os profissionais de saúde, a estratégia foi começar pelas UTIs e posteriormente seguir para os profissionais que atendem diretamente pessoas com sintomas da Covid-19, vacinados em seus locais de trabalho.

Acesse e receba notícias da Grande Florianópolis pelo WhatsApp do ND+

Entre no grupo
+

Saúde