Florianópolis recebe 3,5 mil doses da vacina Oxford/AstraZeneca

Doses pertencem a segunda remessa de vacinas, que chegou a Santa Catarina no último domingo (24) em voo da Gol, pelo aeroporto Hercílio Luz, de Florianópolis

A Prefeitura de Florianópolis recebeu mais 3.580 doses da vacina Oxford/AstraZeneca, um dos imunizantes da Covid-19, nesta quarta (27). Elas foram entregues pelo Governo de SC e pertencem a segunda remessa que o Estado recebeu no último domingo (24). Ao todo, SC recebeu 47,5 mil doses, enviadas pelo Ministério da Saúde.

vacinas Oxford/AstraZeneca, da Covid-19, chegaram a Florianópolis nesta quarta-feira (27)Florianópolis recebe 3,5 mil doses da vacina Oxford/AstraZeneca – Foto: Peter Kováč/iStock

De acordo com a Secretaria Municipal de Saúde de Florianópolis, as doses serão utilizadas para aplicação da primeira dose. Elas serão entregues em alas de atendimento a pacientes com coronavírus nos hospitais da Capital.

Nos próximos dias, a secretaria vai comunicar as demais categorias e setores beneficiados com as doses.

Mais de 4 mil vacinados em Florianópolis

Segundo os dados disponíveis no Vacinômetro, que monitora o número de vacinados na Capital de SC, 4.303 pessoas estão vacinadas para a Covid-19, desde que a primeira remessa de vacinas (CoronaVac) foi entregue pelo Ministério da Saúde ao Estado e depois a cada município.

A ferramenta também mostra que o dia 20 de janeiro foi o pico de vacinação na capital. Neste dia, 1.601 doses foram aplicadas. A prioridade é a imunização de profissionais de saúde e idosos.

O segundo dia com mais vacinados na capital foi 21 de janeiro, quando outras 905 pessoas foram imunizadas. Nesta quarta-feira (27), mais 46 pessoas receberam a primeira dose do imunizante contra a Covid-19.

Mais de mil casos ativos

Segundo outra ferramenta da Prefeitura de Florianópolis, o Covidômetro, a capital tem 1.781 infectados em fase de transmissão, ou seja, casos ativos.

Além disso, 44 pessoas que moram em Florianópolis estão em UTIs (Unidades de Terapia Intensiva). Os dados são desta quarta-feira (27).

A primeira fase da vacinação também previa a imunização dos indígenas, no entanto, restringia a vacinação a quem vive em aldeias.

“Não recebemos doses específicas para este público, visto que o plano Nacional de Imunização considera indígenas aldeados, o que não é uma realidade na Capital”, informou a Secretaria de Saúde.

Acesse e receba notícias da Grande Florianópolis pelo WhatsApp do ND+

Entre no grupo
+

Saúde