Florianópolis tem 510 casos ativos da Covid-19; veja número por bairros

Quatro bairros da Capital não possuem moradores infectados pelo novo coronavírus enquanto dois somam mais de 50 casos ativos

Florianópolis tem 510 casos ativos da Covid-19, segundo a última atualização do Covidômetro feita nesta terça-feira (14). Além disso, há 16.356 casos suspeitos em análise pela Vigilância Epidemiológica. Desde o início da pandemia, a Capital catarinense já confirmou 91.674 casos da doença.

Florianópolis tem 510 casos ativos da Covid-19 – Foto: Leo Munhoz/NDFlorianópolis tem 510 casos ativos da Covid-19 – Foto: Leo Munhoz/ND

Dados do Coviômetro apontam que, dos 49 bairros da cidade, quatro não possuem moradores infectados pela Covid-19. São eles: Caieira da Barra do Sul, Costa da Lagoa, Ratones e Ribeirão da Ilha.

O baixo índice de casos ativos também é observado em outras regiões da Capital. São elas: Vargem Grande, Sapé, Prainha, Ponta das Canas e Canto da Lagoa, todas com dois casos ativos.

Por outro lado, os bairros Centro e Agronômica têm o maior número de moradores com potencial de transmitir a doença. O primeiro registra 28 casos em acompanhamento, enquanto o segundo tem 25.

O número de casos confirmados nos dois bairros desde o início da pandemia é bastante elevado. Até esta terça, 5.418 moradores do Centro já se infectaram pela Covid-19 e 93 deles morreram. Na Agronômica os casos confirmados passam dos 2,8 mil e houve 34 óbitos em decorrência do novo coronavírus.

Ao todo, Florianópolis já contabilizou 1.040 mortes em função da Covid-19 e 90.037 pessoas se recuperaram da doença.

Confira os números de casos ativos por bairro:

Situação dos leitos de UTI

Há 85 leitos de UTI disponíveis pelo SUS na Grande Florianópolis. A taxa de ocupação de leitos de UTI na região é de 67%.

As informações divulgadas pelo painel são baseadas no Relatório Estadual que é o responsável pela regulação dos leitos do SUS. Segundo o covidômetro, 16 pacientes, moradores de Florianópolis, estão na UTI por Covid-19.

Não há pacientes na fila de espera por um leito de UTI em função da Covid-19 na Grande Florianópolis, segundo monitoramento do Governo do Estado, divulgado nesta segunda-feira (13).

Vacinação

Desde o início da vacinação contra a Covid-19, Florianópolis já aplicou a primeira dose em 426.089 moradores, o que representa 83,7% da população total. Já o reforço vacinal foi feito em 48,7% dos habitantes.

Nesta terça, a Secretaria de Saúde do município aplica a primeira dose em pessoas de 12 a 17 anos privadas de liberdade.

A vacinação para população geral será feita da seguinte maneira:

D2 de Coronavac e Pfizer:

  • Pontos fixos das 9h às 16h: Estádio Orlando Scarpelli, Floripa Shopping, Centro de Eventos Luiz Henrique da Silveira e Antigo Aeroporto

D2 de Coronavac, Pfizer e Astrazeneca:

  • Das 7h30 às 18h30 no Ponto fixo do SEAD/Centro próximo ao Hippo

Primeira dose para meninas de 17 anos:

  • Das 9h às 16h: Ponto fixo do Centro de Eventos da UFSC

Primeira dose para gestantes, lactantes e puérperas de 18 anos e mais:

  • Ponto fixo do Centro de Eventos da UFSC das 9h às 16h

Participe do grupo e receba as principais notícias
da Grande Florianópolis na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
+

Saúde

Loading...