Florianópolis volta atrás e aplica vacina contra Covid-19 em novo grupo prioritário

Anúncio veio após uma discussão com a equipe técnica sobre a dificuldade de interpretar as orientações nacionais e estaduais sobre a vacinação

A prefeitura de Florianópolis anunciou na noite desta quinta-feira (6) que fará a vacinação de todos os profissionais de educação física e veterinários com registro de classe. O anúncio veio após uma discussão com a equipe técnica sobre a dificuldade de interpretar as orientações nacional e estadual.

Vacinadores acabaram aplicando o imunizante durante a quinta em alguns profissionais da categorias e, para manter a igualdade entre todos, o município vacina o restante do grupo nesta sexta-feira (7).

Florianópolis volta atrás e vacina será aplicada em novo grupo de profissionais da saúde – Foto: Prefeitura de BC/DivulgaçãoFlorianópolis volta atrás e vacina será aplicada em novo grupo de profissionais da saúde – Foto: Prefeitura de BC/Divulgação

Conforme a lista divulgada pela prefeitura na quinta-feira, pela manhã, afirmando seguir orientações do governo estadual, profissionais de educação física e veterinários autônomos não estavam inclusos no grupo prioritário da vacinação contra Covid-19.

Segundo a orientação, seriam vacinados apenas os profissionais de educação física e veterinários que atuavam em estabelecimentos de Saúde com CNES (Cadastro Nacional de Estabelecimentos de Saúde).

“O município de Florianópolis tem conseguido atingir suas metas de vacinação, com a devida organização e agilidade esperadas de um serviço público de qualidade”, ressaltou o prefeito Gean Loureiro (DEM), no anúncio da ampliação.

“Na data de hoje, contudo, apesar dos comunicados oficiais divulgados pela gestão aos grupos de vacinadores, existiram divergências de interpretação quanto a possibilidade de se aplicar os imunizantes nos profissionais da saúde que atuam em estabelecimentos de interesse da saúde, como academias de ginástica e clínicas veterinárias por exemplo”, continuou Gean. “Assim, foram registrados muitos casos de realização da vacinação nestas pessoas na presente data”.

O ofício ainda afirma que a justificativa das equipes de vacinação foi a interpretação das orientações técnicas. Além disso, atribuiu a aplicação das doses ao fato de outras cidades do Estado já terem imunizado por completo esta categoria.

“Como não é possível recolher os imunizantes já aplicados, não resta outra alternativa senão a autorização para que seja aplicada a vacinação nos demais profissionais da saúde que atuam em academias de ginástica e clínicas veterinárias”, acrescentou o prefeito.

Na carta, Gean Loureiro, prefeito da Capital, ressalta que se trata de um público pequeno e que, de acordo com os levantamentos realizados, isso não irá prejudicar o cumprimento das demais metas estabelecidas para esta fase do programa de imunização.

“Trata-se de profissionais que atuam de maneira bastante próxima das pessoas, com grande fluxo de atendimentos diários, sendo que sua imunização certamente contribuirá para uma mais rápida diminuição da disseminação do vírus da Covid-19”, finaliza.

Veja quem já pode se vacinar na Grande Florianópolis.

Participe do grupo e receba as principais notícias
da Grande Florianópolis na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
+

Saúde