Foz do Rio Itajaí segue em nível gravíssimo, veja regras

Novo mapa de risco do governo do Estado mostra a região entre as oito em nível máximo de alerta para Covid-19

Há mais de um mês em nível gravíssimo na avaliação de risco da Covid-19, a região da Foz do Rio Itajaí segue em alerta máximo no mapa divulgado pelo governo estadual nesta quarta-feira (27).

Novo mapa de risco aponta Foz do Rio Itajaí em nível gravíssimo pela sexta semana seguida. – Foto: Reprodução/SESNovo mapa de risco aponta Foz do Rio Itajaí em nível gravíssimo pela sexta semana seguida. – Foto: Reprodução/SES

A matriz atualizada mostra a região em alerta máximo em duas das quatro dimensões: evento sentinela, que mostra a ocorrência de óbitos por Covid-19, e em monitoramento, ou seja, o percentual de positividade de exames RT-PCR.

A região está em nível grave (laranja) nas outras duas dimensões: transmissibilidade, que é a variação no número de confirmação positiva e casos infectantes, e capacidade de atenção, que é o nível de ocupação de leitos de UTI (Unidade de Terapia Intensiva) reservados para Covid-19.

Veja o que pode e o que não pode no nível gravíssimo

O que pode

  • Cinemas e teatros, com 30% da capacidade;
  • Congressos, feiras e exposições, com 30% da capacidade;
  • Eventos e competições esportivas organizados pela iniciativa privada, por meio de entidades de administração esportiva ou pela FESPORTE;
  • Eventos sociais, com 30% da capacidade;
  • Igrejas e templos, com 30% da capacidade;
  • Museus, com 50% da capacidade;
  • Parques aquáticos, com 50%;
  • Transporte coletivo, com 70% da capacidade dos veículos.

O que não pode

  • Atividades esportivas de caráter recreativo;
  • Abertura de casas noturnas.

Participe do grupo e receba as principais notícias
de Itajaí e região na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
+

Saúde

Loading...