IGP de Brusque suspende atendimento após servidora testar positivo para Covid-19

Local passará por desinfecção no decorrer dos próximos dias e colegas da profissional serão testados

O atendimento presencial no IGP (Instituto Geral de Perícias) de Brusque está  suspenso a partir desta segunda-feira (22). O motivo é a confirmação de um caso de coronavírus em uma servidora da unidade.

Com isso, a emissão de carteira de identidade está suspensa, bem como os agendamentos pelo site. O Instituto de Criminalística, por sua vez, atuará com atividade remota e os atendimentos a local de crime seguirão acontecendo normalmente. O Instituto Médico Legal funcionará em sobreaviso.

As medidas serão adotadas pelos próximos sete dias. Nesse período, a unidade passará por higienização e os profissionais que tiveram contato próximo com a servidora serão testados.

Leia também:

Acesse e receba notícias de Brusque e região pelo WhatsApp do ND+

Entre no grupo
+

Saúde