Investigação apura uso de ambulância dos bombeiros pelo Samu em Joinville

A solicitação para usar a Unidade de Suporte Avançado dos bombeiros voluntários foi via Central de Regularização do Estado

Ainda não há uma justificativa da Central de Regulação do Estado sobre o porquê o Samu solicitou a USA (Unidade de Suporte Avançado) do Corpo de Bombeiros Voluntários de Joinville para transferência de paciente com Covid-19.

Inclusive, uma investigação já foi aberta pelo Samu para tentar descobrir o porquê da solicitação aos bombeiros.

A USA é uma espécie de UTI móvel e é utilizada para transferência de pacientes em situação grave, como os de Covid-19.

No dia 12 de abril, via central de regulação, houve o pedido de uma USA  e um motorista ao Corpo de Bombeiros Voluntários de Joinville.

Deputados querem informações sobre o contrato da gestão do Samu, celebrado entre governo e OZZ Saúde. – Foto: Cristiano Estrela/SecomDeputados querem informações sobre o contrato da gestão do Samu, celebrado entre governo e OZZ Saúde. – Foto: Cristiano Estrela/Secom

Em nota, o Corpo de Bombeiros Voluntários de Joinville afirma que o pedido da ambulância partiu da Central Regional de Emergência unificada, a pedido de médicos do órgão de saúde estadual.

Para a investigação, segundo a OZZ, estão sendo levantados documentos e outras informações sobre o que teria ocorrido naquele dia. Ação tem o apoio de três diretorias da empresa: jurídica, RH e operacional. O andamento da ação é sigilosa.

Veja a nota dos bombeiros na íntegra:

“O Corpo de Bombeiros Voluntários de Joinville (CBVJ) mantém estrutura de atendimento pré-hospitalar (APH) com três unidade de resgate (suporte básico) e uma de suporte avançado para os atendimentos em urgência e emergência, preferencialmente trauma. No universo de bombeiros da corporação, existem 300 profissionais dedicados ao APH, entre socorristas e motoristas.

A atuação em conjunto com outras instituições de saúde, no âmbito do APH, é comum e se dá pela complexidade dos atendimentos ou necessidade de apoio estrutural. Neste caso, o deslocamento das equipes sempre se dá acionados pela Central de Emergência 193.

A situação específica da cessão da USA e motorista ao SAMU, na data de 12 de abril passado, ocorreu após regulação via Central Regional de Emergência unificada, a pedido de médicos do órgão de saúde estadual.

Por fim, o Corpo de Bombeiros Voluntários de Joinville ressalta que, sendo uma instituição privada, de atuação na área de bombeiro urbano, disponibiliza de forma ágil seus equipamentos e pessoal em todos os eventos de urgência e emergência.”

Veja o que diz a Central de Regulação:

A reportagem entrou em contato com a assessoria da Central de Regulação, que ainda está apurando os fatos. Uma das possibilidades, adiantou o assessor, é de que a USA dos bombeiros foi solicitada porque a ambulância do Samu estava em uso em outra emergência. Mas a assessoria ficou de buscar as informações exatas para passar.

Participe do grupo e receba as principais notícias
de Joinville e região na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.

+

Saúde