Joinville transfere pacientes com Covid-19 à noite, após alto número de mortes

Pacientes internados nos hospitais de campanha montados nas UPAs foram transferidos para UTIs na noite de sexta-feira (19)

O número de mortes e pacientes graves se multiplica com velocidade em Joinville, no Norte de Santa Catarina. No mesmo dia em que um Comitê Operacional de Emergência em Saúde foi montado, a cidade registrou mais 14 mortes pela Covid-19, transferiu pacientes durante a noite e repôs o estoque de oxigênio nos hospitais de campanha.

Na noite de sexta-feira (19), cilindros de oxigênio foram repostos e pacientes transferidos – Foto: Ricardo Alves/NDTVNa noite de sexta-feira (19), cilindros de oxigênio foram repostos e pacientes transferidos – Foto: Ricardo Alves/NDTV

A Superintendência do Ministério da Saúde abriu o comitê na sexta-feira (19), quando nove homens e cinco mulheres entraram para a triste estatística de vítimas fatais da doença. Com isso, Joinville chegou a 850 mortes desde o início da pandemia.

Os casos graves também se aceleram na cidade que tem, de acordo com o último boletim, 166 pessoas internadas em leitos de UTIs e 183 em enfermaria, com 5.763 casos ativos.

Com um cenário crítico e entre as 10 cidades do país sob risco de colapso na saúde, Joinville movimentou a rede de saúde durante a noite de sexta-feira. Com a liberação de leitos, pacientes em estado grave que estavam sendo mantidos e tratados nos hospitais de campanha foram transferidos para as UTIs.

Número de pacientes à espera de um leito de UTI ultrapassa os 70 na região de Joinville – Foto: Ricardo Alves/NDTVNúmero de pacientes à espera de um leito de UTI ultrapassa os 70 na região de Joinville – Foto: Ricardo Alves/NDTV

Além disso, o entra e sai de ambulâncias e caminhões nas UPAs chamou a atenção. De acordo com o município, no final da tarde, dois caminhões de oxigênio chegaram e foram encaminhados às unidades que estão servindo de hospitais de campanha. O objetivo é dar conta da demanda crescente durante o fim de semana.

A região de Joinville é a que mais tem pacientes à espera de UTI, com 78 pessoas na fila.

Participe do grupo e receba as principais notícias
de Joinville e região na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.

+

Saúde