Mais de 4,5 mil estabelecimentos são fiscalizados em SC

Abordagens foram feitas pela Polícia Militar com o objetivo de fiscalizar o cumprimento das regras de saúde estabelecidas por decreto estadual

Após a publicação das novas medidas restritivas estaduais contra a Covid-19 em Santa Catarina, 4.592 fiscalizações foram feitas no último final de semana. De sexta a domingo (19 a 21), quatro estabelecimentos comerciais foram interditados no Estado.

PM fiscalizando medidas restritivas da covidSanta Catarina publicou o último decreto na última sexta-feira (19) – Foto: PMSC/Divulgação

Durante a operação da Polícia Militar, foram registrados 26 boletins de ocorrência, 26 prisões e 268 termos circunstanciados. Outros 102 estabelecimentos foram notificados.

O objetivo é fiscalizar o cumprimento das regras estaduais de saúde para conter o avanço da Covid-19 em Santa Catarina, após o sistema de saúde colapsar no Estado.

Interdições no Oeste

Em Chapecó, no Oeste do Estado, oito estabelecimentos foram fiscalizados. Dois estavam descumprindo regras previstas em decreto e um funcionava após o horário permitido. Outro estabelecimento teve sua abertura interditada após fornecer bebida alcoólica para consumo no local.

Por volta das 00h30 de domingo (21), uma live com 16 pessoas foi encerrada, no interior da cidade. O estabelecimento e as pessoas que estavam no local foram autuados por promoverem aglomeração.

Fiscalização em Florianópolis

Na Capital, oito estabelecimentos foram flagrados funcionando sem alvará sanitário, na sexta-feira (19). Outros 44 apresentaram irregularidades em relação aos decretos do Estado contra a Covid-19.

Até o domingo (21), quatro locais haviam sido advertidos.

Decreto sobre as medidas

O último decreto do Governo do Estado, publicado na sexta-feira (19), proíbe até o dia 5 de abril qualquer evento em todo o território catarinense. Os bares podem funcionar até às 22h.

O fornecimento de bebidas alcoólicas para consumo no local é proibido entre 18h e 6h e a partir desta terça-feira (23), quem for flagrado sem máscara será multado em R$ 500.

Confira a íntegra do decreto estadual publicado na última sexta-feira (19).

+

Saúde