Médico mais antigo de Timbó morre aos 81 anos vítima da Covid-19

Ronaldo Bachmann estava internado no Hospital Oase; prefeitura decretou luto oficial de três dias

O médico mais antigo de Timbó, cidade no Médio Vale do Itajaí, morreu vítima da Covid-19. Ronaldo Bachmann tinha 81 anos e estava na unidade de terapia intensiva do Hospital Oase. Ele faleceu na noite deste sábado (20).

Ronaldo Bachmann morreu na noite deste sábado (20) vítima da Covid-19 – Foto: Reprodução/Prefeitura de TimbóRonaldo Bachmann morreu na noite deste sábado (20) vítima da Covid-19 – Foto: Reprodução/Prefeitura de Timbó

Em sinal de respeito, a bandeira de Timbó, que fica em frente ao prédio da Administração Municipal, será hasteada a meio mastro. O prefeito Jorge Kruger decretou luto oficial de três dias e lamentou a morte:

“Uma notícia que nos deixa muito tristes. Foi uma grande pessoa, humana, sensível e profissional dedicado. Viveu intensamente a medicina e parte dela, durante 35 anos, atendeu a população timboense no Hospital Oase”.

O médico era natural de Rio do Sul. Ele nasceu em 1939 e formou-se em medicina no ano de 1973, pela Faculdade Federal do Paraná. “Desde 1974 até os últimos dias de vida atendeu junto ao Hospital e Maternidade Oase”, diz a nota de pesar divulgada pela unidade.

Em 10 de novembro de 2016, Bachmann recebeu, na Câmara de Vereadores de Timbó, o título de Cidadão Honorário pelos relevantes serviços prestados à comunidade.

Participe do grupo e receba as principais notícias
de Blumenau e região na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
+

Saúde

Loading...