Ministério da Saúde promove ‘Dia D’ da Campanha Nacional de Multivacinação neste sábado

Campanha 2021 foi iniciada no dia 1º de outubro e tem vigência prevista até o dia 29 deste mês; intuito é promover a regularização da vacinação entre crianças e adolescentes

Outubro é marcado pela comemoração do Dia das Crianças, com isso, iniciativas para proporcionar o bem-estar e incentivar o cuidado com a saúde de meninas e meninos acontecem durante todo o mês. Pensando nisso, o Ministério da Saúde realiza neste sábado (16) o Dia D da Campanha Nacional de Multivacinação, para pessoas com até 15 anos.

Ministério da Saúde promove dia D da campanha de multivacinação – Foto: Breno Esaki/Divulgação/NDMinistério da Saúde promove dia D da campanha de multivacinação – Foto: Breno Esaki/Divulgação/ND

A Campanha de Multivacinação 2021 foi iniciada no dia 1º de outubro e tem vigência prevista até o dia 29 deste mês. O intuito é promover a regularização da vacinação entre crianças e adolescentes.

Conforme o Ministério da Saúde, são mais de 45 mil salas de imunização em todo o país destinadas para atualização da caderneta de vacinação do grupo.

A iniciativa também busca incentivar a imunização com 18 vacinas diferentes.  Segundo o Ministério da Saúde, desde 2015 há uma queda na cobertura vacinal.

Vacinas

Entre as vacinas que fazem parte da campanha estão as de BCG, hepatite A e B, Penta (DTP/Hib/Hep B), Pneumocócica 10 Valente, VIP (Vacina Inativada Poliomielite), VRH (Vacina Rotavírus Humano), Meningocócica C (conjugada), VOP (Vacina Oral Poliomielite), febre amarela, Tríplice viral (sarampo, rubéola, caxumba), Tetraviral (sarampo, rubéola, caxumba, varicela), DTP (tríplice bacteriana), Varicela e HPV quadrivalente (Papilomavírus Humano).

Poderão ser atualizadas nas cadernetas as vacinas HPV, dT (dupla adulto), febre amarela, Tríplice Viral, hepatite B, dTpa e Meningocócica ACWY (conjugada).

Em razão da pandemia do coronavírus, o Ministério da Saúde enviou aos Estados e municípios orientações para garantir protocolos de saúde, como uso de máscaras, espaços ventilados e higienização das mãos.

*Com informações do portal Agência Brasil.

+

Saúde

Loading...