Mulher de 54 anos morre vítima da Covid-19 em Chapecó: “Guerreira e batalhadora”

Paciente estava internada no Hospital Regional do Oeste e faleceu no início da tarde de quarta-feira (23)

A Covid-19 fez mais uma vítima em Chapecó, no Oeste de Santa Catarina. Eloiva Policena, de 54 anos, faleceu às 13h30 de quarta-feira (23). A mulher morava no bairro Paraíso, área Leste do município.

Em nota enviada à imprensa, a Secretaria Municipal de Saúde informou que a mulher estava internada no HRO (Hospital Regional do Oeste). Eloiva estava hospitalizada na UTI (Unidade de Terapia Intensiva) há mais de um mês. 

A mulher não apresentava problemas de saúde, segundo a pasta. Por conta dos protocolos de saúde, o corpo foi sepultado logo após a confirmação da morte.

Familiares e amigos lamentaram a morte da mulher nas redes sociais. “Mãe, uma palavra tão pequena e com um significado imenso. Hoje você partiu e levou um pedaço de mim. Te amarei eternamente, mãe, guerreira e batalhadora. A melhor vovó desse mundo, como eu te amo, vai deixar saudades”, escreveu Adriana Policena, filha da vítima.

Números

Chapecó registra 6.964 casos confirmados do novo coronavírus, sendo que 6.258 pacientes já estão recuperados da doença e não apresentam mais sintomas. Ou seja, 243 ainda estão em tratamento médico. 

A cidade entrou no quinto dia consecutivo de aumento no número de casos suspeitos. No sábado (19), Chapecó contabilizava 283, contudo, o boletim desta quinta-feira (24) informa que já são 519. 

Procurado pelo ND+, o município informou que o aumento no número de casos suspeitos se deve por conta da demora na liberação de exames do Lacen (Laboratório Central). 

Dados atualizados nesta quinta-feira – Foto: Ascom/ND

+

Saúde