Município do Sul de SC cria força-tarefa de combate ao coronavírus

Com o aumento do número de casos de Covid-19, a Prefeitura de Forquilhinha adotou medidas mais restritivas que o decreto do governo do Estado e criou força-tarefa para a fiscalização

Com o aumento do número de casos positivados para Covid-19, a Prefeitura de Forquilhinha baixou um novo decreto e iniciou nesta quinta-feira (10) uma força-tarefa de orientação e fiscalização das novas medidas mais restritivas em relação ao decreto do governo do estado que está em vigência.

“Basicamente essas restrições são no número de 30% do máximo da ocupação de bares, restaurantes e assim por diante. Além disso, o uso de máscara, o  distanciamento de 1,5 metros, álcool em gel, termômetro e, também, nos pubs o máximo de 20 pessoas”, explica o prefeito da cidade, José Cláudio Gonçalves, o Neguinho.

Aumento de número de casos positivados, motivou as novas medidas restritivas em Forquilhinha – Foto: divulgação/PMF/NDAumento de número de casos positivados, motivou as novas medidas restritivas em Forquilhinha – Foto: divulgação/PMF/ND

A força-tarefa contará com uma viatura da Polícia Militar (PM) e uma viatura do Município que levará agentes das vigilâncias sanitária e epidemiológica.

“Estaremos, a partir de hoje (10), das 8h até as 22h todos os dias visitando cada bar, cada restaurante, as filas de banco, as instituições, exigindo e cobrando a execução na medida correta do decreto da cidade de Forquilhinha”, explica o prefeito.

De acordo com o último boletim epidemiológico divulgado na quarta-feira (9), foram registrados 37 novos casos, somando 385 pacientes monitorados.

“Entendemos que com essas medidas no máximo de dez a 15 dias irá diminuir consideravelmente o número de casos positivados no Município”, analisa. “Hoje já vacinamos com a primeira dose cinco mil pessoas”, completa Neguinho.

Reunião com entidades

Encontros com entidades foram realizados na quarta-feira (9) para explicar as novas medidas – Foto: Divulgação/PMF/NDEncontros com entidades foram realizados na quarta-feira (9) para explicar as novas medidas – Foto: Divulgação/PMF/ND

As novas medidas, segundo Neguinho, foram discutidas e acertadas em um encontro com representantes da associação empresarial da cidade, CDL, PM, Polícia Civil, Bombeiros, Vigilâncias, entre outros.

Já nesta quarta-feira (9) foram realizadas duas reuniões com representantes de instituições financeiras e estabelecimentos comerciais para discutir ações pertinentes para evitar aglomerações nas filas.

“Não queremos que os serviços parem, mas que as atividades continuem com as medidas restritivas. Como poder público precisamos fazer a nossa parte. As pessoas se acostumaram a relaxar os cuidados com o enfrentamento do coronavírus. A situação é preocupante”, finaliza o prefeito.

+

Saúde