Municípios do Oeste de SC se preparam com insumos para vacinação contra a Covid-19

Consórcio Intermunicipal de Saúde do Oeste Catarinense realizará pregão para a compra dos materiais para a imunização de mais de 700 mil pessoas da região

Enquanto a vacinação para Covid-19 não chega, os pequenos municípios do Grande Oeste de Santa Catarina se preparam com a compra de insumos para garantir a imunização. O governo de Santa Catarina já conta com um plano estadual de imunização contra a Covid-19.

O plano está dividido em quatro etapas e para garantir a imunização da população é necessários o dobro de insumos como agulhas e seringas. Pequenos municípios já contam com este estoque para efetuar a vacinação na primeira fase.

Os pequenos municípios se preparam com a aquisição dos insumos. – Foto: Reprodução/NDTV ChapecóOs pequenos municípios se preparam com a aquisição dos insumos. – Foto: Reprodução/NDTV Chapecó

Na região Oeste, em 2020, o CIS-AMOSC (Consórcio Intermunicipal de Saúde do Oeste Catarinense) adquiriu 49.650 testes rápidos de Covid-19 para as 52 cidades que fazem parte do consórcio. A compra foi feita por meio de um pregão eletrônico. O mesmo acontecerá para a aquisição de insumos, como agulhas e seringas. A compra imunizará cerca de 700 mil habitantes entre os municípios atendidos.

Segundo a diretora-executiva do CIS-AMOSC, Geísa Müller de Oliveira, alguns municípios já levantaram a demanda de seringas e agulhas, mas o Consórcio realizou um levantamento mais detalhado com todos os insumos que envolvem a questão de vacinação, como seringas, agulhas, algodões e curativos. “As cidades têm até quarta-feira (13) para encaminhar as demandas. O pregão eletrônico deve ser lançado na próxima semana”, informou. 

Integram o CIS-AMOSC municípios das regiões da AMOSC (Associação dos Municípios do Oeste de Santa Catarina), AMAI (Associação Municípios Alto Irani), AMNOROESTE (Associação Municípios Noroeste de Santa Catarina), AMAUC (Associação dos Municípios do Alto Uruguai Catarinense) e AMERIOS (Associação do Município Entre Rios).

Pequenos municípios preparam estoques

O município de Planalto Alegre conta com 3 mil habitantes e possui  em estoque mais de 10 mil insumos. São seringas e agulhas que foram compradas durante o ano de 2020, mas, mesmo assim, o município participará do pregão do CIS-AMOSC.

De acordo com a secretária de saúde de Planalto Alegre, Elsa Dallacorte, se houver a necessidade o município vai adquirir mais seringas e agulhas. “Estamos organizando toda a estrutura física e profissional para fazer a aplicação das vacinas“.

O município está se organizando para a compra dos insumos. – Foto: Prefeitura de Marema/DivulgaçãoO município está se organizando para a compra dos insumos. – Foto: Prefeitura de Marema/Divulgação

Marema é outro município que está trabalhando para adquirir insumos para a vacinação. Dos cerca de 1750 habitantes, 600 pessoas fazem parte do grupo de risco e devem ser os primeiros imunizados. 

A secretária de saúde de Marema, Jaqueline Moro, afirmou que a secretária está em contato com fornecedores dos insumos para garantir a quantidade certa necessária para a campanha de vacinação.

Extremo-Oeste também se prepara

Na região do Extremo-Oeste do Estado, o CONDER (Consórcio de Desenvolvimento do Extremo Oeste) também se prepara com a realização de pregão eletrônico para a compra dos insumos. Ao todo, 20 cidades com uma população de aproximadamente 195 mil habitantes serão atendidas. 

“A partir da próxima segunda-feira organizaremos individualmente com cada município o levantamento de demandas específicas para o processo de imunização da Covid-19”, disse o presidente do Conder, Cláudio Junior Wenschenfelder.

Participe do grupo e receba as principais notícias
de Chapecó e região na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
+

Saúde

Loading...