Os anjos da saúde que abrem mão de estar ao lado da família para salvar vidas

No Dia Internacional do Enfermeiro, Hospital Dona Helena e NDTV Record TV prestam homenagem a esses profissionais que estão na linha de frente de combate ao coronavírus

Mais uma reportagem da série “Os Anjos da Saúde” foi ao ar pela NDTV Record TV, desta vez de Joinville. E no Dia Internacional do Enfermeiro, uma bela homenagem prestada pelo Hospital Dona Helena em parceria com a NDTV Record TV.

Além da prevenção e atendimento aos pacientes, são belos exemplos de amor e dedicação à profissão.

Elen tem 13 anos de profissão e é responsável pela maternidade e o centro obstétrico do Dona Helena. “O trabalho de enfermagem é indispensável, assim como o dos médicos”, diz ela, lembrando que a população precisa neste momento da dedicação dos profissionais de saúde.

Outra personagem que simboliza todos os profissionais enfermeiros é Caroline, que trabalha há 9 anos e coordena a unidade de internação pediátrica e a UTI pediátrica e Neonatal.

Além da profissão que escolheram, elas são amigas e dividem cerca de nove horas de trabalho por dia. Também se afastaram, temporariamente, as pessoas que mais amam para cuidar das pessoas que mais precisam neste momento.

Elen deixou a casa, marido e dois filhos para morar temporariamente com a Carol, que também abriu mão da filha de cinco anos que está com os avós paternos no Rio Grande do Sul. Essas mudanças foram necessária para o bem de todos, num momento de pandemia.

Imagem de arquivo mostra Elen ao lado da família – Foto: Arquivo pessoal/Divulgação ND

Elen lembrou que quando começaram aparecer os casos em Joinville sentou  com o seu marido e avaliou que seria mais prudente sair de casa.

“No hospital, a gente acaba tendo contato com os pacientes e eu não queria levar isso para a minha família. Meu filho mais velho tem asma, o que o coloca em grupo de risco. Tenho meus pais e minha sogra, que são idosos. Foi o mais viável a se fazer no momento. O mais velho entende mais, mas o pequeno, de três anos, quer a presença, então a gente teve esse contato visual, sem contato físico.”

Já Caroline lembra que a filha não tinha muito contato com os avós, porém isso foi acontecendo naturalmente. “A gente faz chamada de vídeo para matar a saudade. É uma fase, tudo vai passar. A gente tenta minimizar isso com as lembranças boas, sabendo que isso é uma fase e vai passar”, destaca.

Imagem de arquivo mostra Caroline com sua família – Foto: Arquivo pessoal/Divulgação ND

Surpresa e homenagem

A NDTV Record TV e Hospital Dona Helena prepararam uma homenagem e uma surpresa a Caroline. O local escolhido foi o Parque de France porque foi onde ela fez o ensaio fotográfico quando estava grávida.

Quando ela chegou lá, pôde conferir muitas homenagens de amigos e parentes.

“Você é uma pessoa muito forte, guerreira, é uma princesa, você está na linha de frente lutando contra o coronavírus e você consegue se manter forte mesmo assim. Te amo, mãe.”

“Além de todo o amor que eu tenho por ti, sinto uma admiração enorme, pela profissional que és e te amo muito”, disse o marido,

Outros amigos e familiares também prestaram homenagem.

“Eu estou com o coração a mil. Isso fortalece, saber que a gente tem que abrir mão e ficar longe de quem a gente ama, mas isso inspira. Saber que a gente acorda todos os dias disposto a ajudar aquela pessoa que precisa”, finaliza Caroline.

+

Anjos da saúde