Pacientes da Covid-19 serão ‘vigiados’ por telefone em Chapecó

Moradores infectados pelo vírus serão fiscalizados por telefone e presencialmente pela equipe da Central de Monitoramento instalada no Centro de Eventos

A operação “Lockdown Inverso”, que começou na última semana em Chapecó, no Oeste catarinense, definiu novas ações de enfrentamento à Covid-19, nesta manhã de terça-feira (20).  A reunião entre os diretores, gerentes e coordenadores da Secretaria de Saúde ajustou detalhes de como irá funcionar a Central de Monitoramento instalada no Centro de Cultura e Eventos.

Fiscalização inicia nesta terça-feira, pré feriado – Foto: Willian Ricardo/NDFiscalização inicia nesta terça-feira, pré feriado – Foto: Willian Ricardo/ND

A Central, que começa a funcionar ainda nesta terça-feira, vai monitorar os pacientes positivados pela Covid-19, por telefone, das 7h às 19h. A equipe é composta pela coordenadora Marizete Toldo e mais seis auxiliares. Eles farão contato com as agentes de saúde, escolas e trabalho das pessoas infectadas, que devem ficar isoladas para evitar a transmissão da doença. 

Outra ferramenta será a Unidade Móvel da Central de Monitoramento que vai fiscalizar os pacientes e deve dar apoio às forças de segurança, como a GM (Guarda Municipal) e a PM (Polícia Militar). A viatura terá um médico, enfermeiro, farmacêutico, motorista, além de testes e medicamentos primários.

“São serviços extras que estamos implantando, tanto para monitorar a situação de saúde dos positivados, quanto dos familiares, além do cumprimento do isolamento social. Já a unidade móvel vai atender profissionais de educação nas escolas, apoio na testagem de familiares de pessoas que estão em isolamento e até atendimento in loco destes pacientes. Mas lembrando que é um serviço complementar. Quem tiver sintomas deve continuar buscando os locais de atendimento já existentes”, explicou o secretário adjunto, Jader Danielli.

Reunião ocorreu na manhã desta terça-feira (20) em Chapecó – Foto: Prefeitura de Chapecó/Divulgação/NDReunião ocorreu na manhã desta terça-feira (20) em Chapecó – Foto: Prefeitura de Chapecó/Divulgação/ND

Os pontos de consulta e atendimento são a UPA 24h, o Ambulatório Efapi 24h e o Ambulatório de Tratamento Imediato Verdão, que é de segunda a sexta-feira, das 7h às 19h. Também há três pontos de testagem rápida, ao lado da unidade de Saúde do distrito de Marechal Bormann, no ginásio de Esportes do Bela Vista e no salão comunitário da Igreja Católica do bairro Universitário.

Já os números para denúncias de descumprimento de isolamento social ou das regras de enfrentamento à Covid-19 são: 153 (Guarda Municipal) 190 (Polícia Militar) e 3321-0090 (Vigilância em Saúde).

Participe do grupo e receba as principais notícias
de Chapecó e região na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.

+

Saúde