Para facilitar acesso à vacinação, Chapecó terá ‘Vacimóvel’

Um veículo circulará o Centro e bairros da cidade na busca ativa de quem ainda não está imunizado contra a Covid-19

Diante do atraso de cerca de 12 mil pessoas na vacinação contra a Covid-19, a Administração Municipal de Chapecó, no Oeste de Santa Catarina,  implantou uma estratégia de busca ativa de quem ainda não está imunizado contra o vírus.

Veículo circulará o Centro e alguns bairros da cidade. – Foto: Prefeitura de Chapecó/Divulgação/NDVeículo circulará o Centro e alguns bairros da cidade. – Foto: Prefeitura de Chapecó/Divulgação/ND

“Chapecó é uma das cidades que tem um dos melhores índices de vacinação, uma das que vacinou mais rápido, mas ainda tem gente que não buscou segunda dose ou reforço. Por isso, estamos implantando o Vacimóvel, que vai percorrer o Centro e os bairros, para facilitar o acesso da população à vacina”, informou o prefeito João Rodrigues.

Um dos dois veículos do Lockdown Inverso, usado no monitoramento da Covid-19, será transformado no Vacimóvel, já que os números de ativos está abaixo de 100 há mais de uma semana. No veículo estarão um vacinador, duas agentes de saúde e um motorista.

De acordo com a coordenadora da Vigilância Epidemiológica, Lilian Galão, o Vacimóvel estará nesta terça-feira (30), a partir das 13h, no Terminal Urbano de Transporte Coletivo, onde tem grande fluxo de pessoas.

Depois ele vai circular pelo Centro e, à noite, das 18h às 21h, estará na Praça Coronel Bertaso.“Nós vamos estabelecer um cronograma para os bairros, circulando pelos principais pontos de fluxo, praças, entre outros”, disse Lilian.

Novas variantes

O gerente de Vigilância em Saúde, Rodrigo Momoli, disse que há uma preocupação da Secretaria de Saúde em relação às novas variantes que estão surgindo pelo mundo, além do período de férias e festas.

“Pedimos que as pessoas que ainda não tomaram a primeira dose, ou que estão atrasadas com a segunda dose ou que já podem tomar o reforço, que busquem a vacina. Precisamos proteger ao máximo a população, pois a maioria das pessoas internadas não está com imunização completa e alguns sem vacina”, disse Momoli.

Prefeitura quer garantir a imunização completa da população. – Foto: Prefeitura de Chapecó/Divulgação/NDPrefeitura quer garantir a imunização completa da população. – Foto: Prefeitura de Chapecó/Divulgação/ND

Vacinação por livre demanda

Outra ação será abrir o Centro Estratégico de Vacinação, que funciona agora na reitoria da UFFS, antigo Bom Pastor, para vacinação por livre demanda, no dia 4 de dezembro. Ou seja, no sábado poderão ser vacinados na UFFS mesmo quem não fez o agendamento. O horário será das 8h às 11h e das 13h às 16h.

Chapecó já está com cerca de 190 mil pessoas vacinadas com primeira dose, o que já dá 99% da população prevista acima de 12 anos, e cerca de 170 mil com a segunda dose, o que dá 90% da população acima de 12 anos. Outros 20 mil já tomaram o reforço, cerca de 10% da população acima de 12 anos.

Participe do grupo e receba as principais notícias
de Chapecó e região na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
+

Saúde

Loading...