Piratuba prorroga a proibição da utilização do parque e do centro de eventos

Decreto assinado em 1º de abril expira no fim deste mês e o motivo da prorrogação é a classificação de risco que segue gravíssima

O prefeito de Piratuba, no Meio-Oeste de Santa Catarina, Olmir Paulinho Benjamini (PSD), prorrogou o decreto que suspende a utilização, gratuita ou onerosa, do Parque de Eventos Alvício Matinazzo e do Centro de Eventos. O decreto de número 1.505, assinado em 1º de abril, é válido até o fim deste mês.

Município tem 191 casos recuperados da doença. – Foto: Comunicação PMP/Divulgação/NDMunicípio tem 191 casos recuperados da doença. – Foto: Comunicação PMP/Divulgação/ND

O decreto não proíbe a utilização do CIT (Centro de Informações Turísticas). De acordo com a administração municipal, o motivo da decisão tomada pelo prefeito de Piratuba é em razão da classificação de risco potencial gravíssimo para a região.

Piratuba divulgou na última segunda-feira (5) o boletim epidemiológico do novo coronavírus. No município há apenas dois pacientes com o vírus ativo e 17 sendo monitorados. Piratuba registrou desde o início da pandemia oito óbitos.

Participe do grupo e receba as principais notícias
de Chapecó e região na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.

+

Saúde