Polícia Civil cria delegacia virtual da mulher em Santa Catarina

Iniciativa do órgão, através do projeto PC Por Elas busca incentivar vítimas de violência doméstica a buscarem ajuda

Já está disponível no site da Polícia Civil uma área especial para a Delegacia Virtual da Mulher. A iniciativa do órgão, através do projeto PC Por Elas busca incentivar vítimas de violência doméstica a buscarem ajuda. Com o espaço on-line, os procedimentos também serão agilizados.

Fatos e versões referentes a denúncias de meninas vítimas da violência de meninos. – Foto: Divulgacão/Paulo Alceu/ND

Ao entrar no site e clicar no banner, as vítimas podem registrar o Boletim de Ocorrência. O espaço também conta com informações sobre o tema e os procedimentos.

Com a situação do coronavírus e as orientações de isolamento social, a Polícia Civil criou espaços virtuais para ajudar a população a não se expor ao vírus. A delegacia deve perdurar mesmo após o fim da pandemia.

Números

O número de violência doméstica em Santa Catarina ainda é alto, mas vem diminuindo nos tipos de crimes mais recorrentes. Neste primeiro semestre do ano, de janeiro a junho, a notificação de violência doméstica caiu 9% em comparação com mesmo período do ano passado.

O crime de estupro também registrou queda de 17%. Já o de ameaça caiu 11% e o de lesão corporal dolosa 15%. Dados da SSP (Secretaria de Segurança Pública) mostram que até o dia 27 de julho, 29 mulheres foram vítimas de feminícidio. Em 2019, foram 35.

Procure ajuda

Foi vítima de violência doméstica, tentativa de feminícidio ou conhece alguém que precisa de ajuda? Denuncie!

Centro de Referência em Atendimento a Mulher em Situação de Violência

Polícia 

  • WhatsApp: (48) 98844-0011
  • Disque 100 ou através do número 182
  • Site: www.pc.sc.gov.br
+

Saúde