Mortes por Covid-19 despencam mais de 30% em um mês em SC

Levantamento foi divulgado pela Diretoria de Vigilância Epidemiológica e diz respeito "apenas" ao período de 14 de setembro a 13 de outubro

Levantamento preliminar realizado pela Dive/SC (Diretoria de Vigilância Epidemiológica) da SES (Secretaria de Estado da Saúde) mostra que no período de 14 de setembro a 13 de outubro foram registrados 431 óbitos por Covid em SC, representando uma queda de 34% quando comparado com o período de 30 dias anteriores, que havia contabilizado 649 óbitos.

Número de óbitos, não à toa, vai despencando ao passo que a vacinação vai avançando em Santa Catarina – e em todo o Brasil – Foto: Ricardo Wolffenbuttel/Secom/NDNúmero de óbitos, não à toa, vai despencando ao passo que a vacinação vai avançando em Santa Catarina – e em todo o Brasil – Foto: Ricardo Wolffenbuttel/Secom/ND

Quando analisada a situação vacinal das pessoas que foram a óbito nesse período, das 431 mortes, 327 (76%) eram de idosos (60 anos ou mais) e 104 (34%) eram pessoas abaixo de 60 anos de idade. Dos 327 idosos, 116 (35%) não tinham completado o esquema vacinal (87 não tinham recebido nenhuma dose e 29 só haviam recebido a primeira dose), 211 (65%) tinham recebido as duas doses ou a dose única há mais de cinco meses, mas apenas dois haviam recebido a dose de reforço.

Já entre a população abaixo de 60 anos, dos 104 óbitos registrados, 88 (85%) não tinham completado o esquema de vacinação e apenas 16 pessoas (15%) estavam com o esquema vacinal completo.

SC ultrapassou a marca dos 90% de vacinas aplicadas

O Estado de Santa Catarina ultrapassou a marca de 90% da população com 12 anos ou mais vacinada com a primeira dose contra a Covid-19. A marca foi alcançada já no último domingo.

O Vacinômetro SC, que nesta segunda-feira esteve fora do ar, apontou que 5.524.614 pessoas receberam a primeira dose, 3.849.158 foram vacinadas com a D2, 257.149 com a dose única, 209.718 idosos e trabalhadores de saúde receberam a dose de reforço e 10.896 imunossuprimidos com a dose adicional.

Em relação à população total, Incluindo os que têm menos de 12 anos, significa que 76% de todos os catarinenses já receberam a primeira dose da vacina contra a Covid-19. A evolução também é percebida no total da população vacinável completamente imunizada, que ultrapassou os 67% com o esquema vacinal completo (com a segunda dose ou dose única), chegando a 4.106.307.

Quase 1 milhão de vacinas a mais

O Ministério da Saúde informou, nesta segunda-feira (25), que em 13 dias  a Pasta enviou mais 902,6 mil doses de vacinas Covid-19 para Santa Catarina.

Nessa remessa, foram enviadas 659,8 mil doses do imunizante da Pfizer, 750 doses da Astrazeneca, produzidas pela Fundação Oswaldo Cruz, e mais 242 mil doses da Coronavac, produzidas pelo Instituto Butantan.

Desde o início da campanha de vacinação, o estado de Santa Catarina recebeu 11,2 milhões de doses de vacinas Covid-19 – mais de 9,5 milhões foram aplicadas.

Nesses informes, o Ministério da Saúde também iniciou a distribuição de vacinas para adolescentes sem comorbidades. Com isso, o público-alvo da campanha de imunização contra a Covid-19 passou de 160 milhões para 177 milhões de brasileiros com mais de 12 anos. Cabe ressaltar que a única vacina liberada para vacinação de adolescentes de 12 a 17 anos é a Pfizer.

Até agora, o Ministério da Saúde já distribuiu mais de 320 milhões de vacinas Covid-19 para todo Brasil: 153,6 milhões de brasileiros já tomaram a primeira dose e mais de 115,4 milhões completaram o ciclo vacinal.

+

Saúde

Loading...