Santa Catarina tem mil novos casos da Covid-19 e 95% de recuperados

Média foi de 1.117 confirmações por dia na última semana e total de infectados desde o início da pandemia é de 236 mil

Foram registrados 1.065 novos casos da Covid-19 em Santa Catarina nesta segunda-feira (19), chegando a um total de 236.224 confirmações desde o início da pandemia. São 95% dos pacientes, 225.280, que já estão recuperados, e 2.976 morreram pelo vírus, sendo nove incluídos nestas últimas 24h.

Há indicativos de aumento nos casos de covid 19 em SC – Foto: Divulgacão/Paulo Alceu/ND

Desde a segunda passada (12), foram 1.117 confirmações por dia, em média, deixando a incidência em 3.297 contaminados a cada 100 mil catarinenses. A taxa de letalidade está em 1,26%, figurando como a menor do país, junto com Roraima.

A maioria dos infectados são adultos de 30 a 39 anos, que somam mais de 59 mil pacientes. Mais de um terço (1.133) das vítimas fatais possui entre 60 e 79 anos, sendo pessoas do grupo de risco pela idade. Também foram registradas 551 mortes de idosos acima dos 80 anos.

Na distribuição de casos e mortes, Joinville segue como a cidade com os números mais críticos: 23.646 confirmações e 357 mortes. Em seguida, em casos, Florianópolis (16.409), Blumenau (12.787), São José (9.854), Itajaí (8.316), Criciúma (7.556), Balneário Camboriú (7.500), Chapecó (7.245), Palhoça (7.081) e Brusque (5.961).

Nenhum hospital lotado com pacientes da Covid-19

Os 1.512 leitos de UTI (Unidade de Terapia Intensiva) da rede pública do Estado tem taxa de ocupação de 56,7%. Dos 857 ocupados, são 184 por pacientes com confirmação ou suspeita de Covid-19, 673 pacientes com outras enfermidades, e há 655 leitos vagos.

Atualmente, não há nenhum hospital superlotado além da Maternidade Darcy Vargas, que não possui pacientes da Covid-19, tendo somente leitos de UTI neonatal. Cinco unidades tem leitos da Covid-19 disponíveis, mas possuem seus leitos gerais 100% ocupados, sem nenhum paciente do vírus.

43% dos catarinenses em casa

Refletindo o domingo (18), foram 43,9% dos catarinenses em casa, número próximo da média nacional, de 44,3%. Santa Catarina fica na 16ª posição no ranking de Estados do quesito, que é liderado por Bahia (48%), Acre (47%) e Rio Grande do Sul (45%).

+

Saúde