SC 40°C: veja como cuidar da saúde durante a onda de calor

Diante das altas temperaturas em todas as regiões, é preciso intensificar os cuidados com a saúde para evitar problemas

A onda de calor que atinge Argentina, Uruguai e Brasil já é a maior registrada no centro da América do Sul. Em Santa Catarina, por exemplo, o calorão já deu as caras e promete se intensificar ainda mais em várias regiões, o que acende um alerta também para a saúde.

Afinal, as altas temperaturas fazem com que as pessoas percam mais líquidos que o normal, o que pode causar quadros como desidratação, brotoeja, inchaço, cólicas e até desmaios. O risco é ainda maior em grupos vulneráveis, como idosos, crianças e doentes.

Com onda de calor, é preciso ter cuidados com a saúde – Foto: Flavio Tin/Arquivo/NDCom onda de calor, é preciso ter cuidados com a saúde – Foto: Flavio Tin/Arquivo/ND

Por esse motivo, vale colocar em prática alguns cuidados a fim de evitar qualquer tipo de mal-estar. O médico de Joinville Guilherme André Eger, especialista em Família e Comunidade, elencou cinco dicas para prevenir os problemas relacionados ao calor. Veja:

Garrafa de água na mão: durante o calor nós suamos muito e é preciso ingerir mais líquido, principalmente água. A falta de líquido pode gerar desidratação, com sintomas como dor de cabeça, náusea, fraqueza e tontura. Em tempos de Covid-19, esses sintomas podem ser facilmente confundidos com a doença.

Alimentação leve é mais indicada: o calor pode diminuir o esvaziamento gástrico e oferecer aquela sensação de estômago pesado, além de mal-estar e tontura. Por isso, o ideal é fazer uma alimentação leve e sem gorduras a fim de evitar esses problemas.

Bom sono é essencial: manter uma boa rotina de sono é importante sempre, ainda mais durante o calor. O ideal é usar menos roupas de cama e vestir-se com menos roupas para dormir, além de manter o cômodo bem arejado, principalmente no caso de grupos de risco.

Proteção é fundamental: seja ao trabalhar no sol, seja ao curtir uma praia, a proteção é indispensável. Use boné, chapéu, sombrinha, roupas resistentes aos raios UVA e UVB ou outro item que ajude a proteger da ação do sol. Não esqueça de usar e reaplicar o protetor solar.

Atenção às viroses: no verão, é comum que os casos de virose e de intoxicação alimentar aumentem. Diante disso, é importante dar preferência à água tratada, filtrada ou fervida para evitar diarreias e outros sintomas de quadros virais.

Vale lembrar que, além dos cuidados com os humanos, também é preciso cuidar dos pets. No caso deles, mantenha a água sempre à disposição, evite vestir roupinhas e garanta um local ventilado. Já o passeio deve ficar para uma hora em que o clima estiver ameno, sem calor na calçada.

De acordo com a Defesa Civil, o calor deve se intensificar no sábado (15), com temperaturas acima de 30°C em todas as regiões, e continuar assim no início da semana. No Oeste, Litoral e Vale do Itajaí, as temperaturas podem ultrapassar os 35°C e, eventualmente, chegar aos 40°C.

Participe do grupo e receba as principais notícias
de Blumenau e região na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
+

Saúde

Loading...