SC tem queda na média de casos e mortes da Covid-19

Estado ainda mantém mais de 200 pacientes da Covid-19 na fila por UTI, e média ainda beira as 100 mortes a cada 24h em decorrência do vírus

Foram 1.344 casos confirmados e 81 mortes registradas nesta segunda-feira (5) em Santa Catarina, em decorrência da Covid-19. Assim, desde o início da pandemia, são 817 mil casos e 11.324 mortes.

Somente na última semana foram 19,8 mil casos confirmados e 640 mortes, o que deixa uma média de 2,8 mil casos e 91 mortes a cada 24h.

SC ultrapassa 400 mil casos de Covid-19 – Foto: Anderson Coelho/NDSC ultrapassa 400 mil casos de Covid-19 – Foto: Anderson Coelho/ND

Ou seja, os números desta segunda (5) são relativamente mais otimistas em relação à média semanal, que apresenta uma leve melhora em relação aos dias anteriores, que registraram mais de 100 mortes sucessivamente a cada atualização epidemiológica.

Contudo, o panorama do sistema público de saúde segue crítico, com 1.031 internados pela Covid-19, apesar da queda no número de casos ativos, que beiraram os 40 mil em março, e são 20,1 mil atualmente.

Isso pois cada paciente do vírus tende a ficar, em média, cerca de 14 dias internado, com casos mais críticos podendo ficar meses nos hospitais.

Atualmente um total de 201 pacientes da Covid-19 aguardam tratamento em um leito de UTI (Unidade de Terapia Intensiva), sendo 106 somente na região Norte do Estado.

A região é justamente onde é localizado o epicentro do vírus no Estado, a cidade de Joinville, que já tem praticamente 80 mil casos confirmados.

As cidades com mais casos da Covid-19 confirmados em SC:

  • Joinville: 79.486
  • Florianópolis: 70.379
  • Blumenau: 41.763
  • Chapecó: 31.530
  • São José: 30.554
  • Criciúma: 27.540
  • Palhoça: 24.739
  • Itajaí: 21.241
  • Balneário Camboriú: 21.079
  • Brusque: 20.439

Considerando os dados da semana de transição de março para abril, “observou-se que na semana em apreço diversas microrregiões apresentaram taxas de crescimento de novos casos acima da média estadual, destacando-se neste caso as micro de Joinville, Joaçaba, Curitibanos, Rio do Sul e Canoinhas. Em grande medida, esse fato indica que o vírus não está encontrando nenhuma barreira que o impeça de circular livremente pelo território catarinense. Diante desse cenário, pode-se afirmar que, do ponto de vista geral, o estado de Santa Catarina continua em uma situação gravíssima”, diz o boletim do NECAT (Núcleo de Estudos de Economia Catarinense), assinado pelo professor Lauro Mattei.

SC tem 2,3% da população imunizada

O Balanço Parcial de Vacinação da Secretaria de Estado da Saúde aponta um total de 2,3% dos catarinenses imunizados, considerando as 171 mil pessoas que receberam a segunda dose da vacina da Covid-19,

Praticamente 10%, contudo, tomou a primeira dose, com 705 mil doses aplicadas, considerando que é o foco atual da campanha de vacinação, que atualmente aplica doses da Coronavac e da vacina da Oxford/AstraZeneca.

Atualmente, as vacinas estão sendo aplicadas em trabalhadores da saúde, indígenas, deficientes, e idosos de pelo menos 69 anos.

A última remessa de doses recebidas é do dia 1º de abril, sendo um montante de 309 mil imunizantes.

+

Saúde