SC Saúde apresenta eficácia em telemonitoramento

A teleorientação do SC Saúde garante acessibilidade aos atendimentos em saúde e continuidade de tratamentos

Canal ativo já realizou mais de 23 mil contatos de rastreamento sobre Covid-19  – Foto: Getty Images/iStockphoto/ND

A teleorientação tem se mostrado um serviço cada vez mais relevante, ainda mais por conta da pandemia e do período em que é recomendado o isolamento social.

A Medicina Preventiva do SC Saúde conta com o Programa Segurados com Saúde, que oferece ações de monitoramento e ajuda no cuidado com a saúde, mudança de hábito e estilo de vida para quem vive ou não com condição crônica.

O programa é composto por uma equipe multidisciplinar e telemonitores capacitados para desenvolver um trabalho junto aos segurados, identificando dificuldades de adesão ao tratamento e auxiliando no processo de cuidado dessas pessoas, famílias e comunidades.

Monitoramento intensificado na pandemia

O Diretor de Operações da Qualirede– empresa que faz a gestão do SC Saúde – Bruno Limas destaca que durante o período de pandemia da COVID-19 os telemonitoramentos foram intensificados para rastrear pacientes com sintomas e monitorar os casos confirmados.

“O contato telefônico possibilita levar saúde, orientações baseadas em evidência, garantindo ao segurado o isolamento social ou idas desnecessárias para Pronto Atendimentos. Além dos contatos ativos para monitorar a população, foi criada emergencialmente uma central receptiva, disponibilizada para atendimento com equipe qualificada de enfermeiros e médicos”, declara Bruno Limas.

 Eficiência da teleorientação SC Saúde

Enquanto pessoas infectadas precisam ser diagnosticadas, colocadas em quarentena e monitoradas, outras com sintomas mais graves, precisam ser direcionadas no momento correto para serviços de saúde, de forma segura, sem gerar sobrecarga que pode levar ao colapso do sistema de saúde.

Surge, então, o desafio de encontrar outras formas de cuidado, que sigam sendo efetivas, ainda que à distância, a exemplo do telemonitoramento.

Mais de 23 mil contatos com pacientes

Além disso, na Central de Atendimento COVID, com atendimento receptivo, a qualquer tempo o segurado pode entrar em contato com os profissionais de saúde para esclarecer dúvidas gerais sobre sintomas, serviços de saúde a serem acionados e orientações gerais.

Atualmente, o canal ativo já realizou mais de 23 mil contatos de rastreamento e 3.057 contatos de monitoramento com pacientes com diagnóstico confirmado da doença.

O canal receptivo atendeu a 778 ligações, sendo que 398 foram encaminhadas para atendimento com enfermeiro e 60 para atendimento médico remoto.

Vantagens do rastreamento e monitoramento via teleorientação:

  • Diminuir a circulação desnecessária de indivíduos em estabelecimentos de saúde;
  • Diminuir o risco de contaminação de pessoas e a propagação da doença;
  • Garantir a proximidade, mesmo em lugares de difícil acesso ou com estrutura deficitária;
  • Atender e orientar pacientes portadores de doenças crônicas que, embora não infectados, devem seguir as recomendações de isolamento por estarem mapeados como grupo de risco.
+

Saúde é tudo