SC se aproxima dos 900 mil casos confirmados da Covid-19

Estado registrou mais 1.120 casos da doença e 36 mortes nas últimas 24h

Santa Catarina está próxima de atingir mais uma triste estatística nos próximos dias: a de 900 mil catarinenses infectados com a Covid-19. Neste domingo (2), segundo dados da Secretaria de Estado da Saúde, mais 1.120 casos foram confirmados, chegando ao total de 891.697 infectados desde o ínicio da pandemia.

Santa Catarina já acumula mais de 891 mil casos confirmados da doença desde o início da pandemia – Foto: RICARDO WOLFFENBUTTEL/NDSanta Catarina já acumula mais de 891 mil casos confirmados da doença desde o início da pandemia – Foto: RICARDO WOLFFENBUTTEL/ND

Desses, 858.876 já estão recuperados, enquanto 19.193 permanecem em acompanhamento. Neste domingo, o Estado confirmou mais de 36 mortes pela doença, chegando ao total de 13.628. A taxa de letalidade é de 1,5%.

A maior alta de casos foi em Florianópolis, com mais 102. Joinville (96) e Itajaí (85) completam a lista das cidades com maior número de novas infecções confirmadas nas últimas horas.

Casos de infecção pelo novo coronavírus já foram confirmados em todos os 295 municípios catarinenses. Em relação as mortes, apenas três cidades ainda não registraram vítimas.

Matriz de risco apresenta piora

A nova matriz de risco, divulgada pela SES neste sábado (1º), apresentou piora na situação da Covid-19 em Santa Catarina. Das 16 regiões, 15 estão no nível gravíssimo para a doença. Apenas a Grande Florianópolis se manteve no nível grave (laranja).

Apenas a região da Grande Florianópolis se manteve no nível grave (laranja) – Foto: Divulgação/SES/NDApenas a região da Grande Florianópolis se manteve no nível grave (laranja) – Foto: Divulgação/SES/ND

Novo decreto flexibiliza funcionamento de casas noturnas

O Governo de Santa Catarina publicou um novo decreto na noite de sexta-feira (30) com regras de funcionamento mais flexíveis para casas noturnas. Além disso, segue suspenso o público em competições esportivas, pública ou privada, até 30 de junho deste ano.

O decreto começou a valer neste sábado (1º) e segue até o dia 17 de maio. Entre as mudanças, está ocupação máxima de 50% em embarcações de recreio e esporte, ficando proibido amadrinhar as embarcações.

Agora, também é permitido a entrada de duas pessoas por família nos supermercados e ocupação de 50% da capacidade estabelecido, das 6h às 23h, em todos os níveis de risco.

+

Saúde