Sem novas remessas, vacinação de adolescentes em SC ainda não tem prazo para ser retomada

Ministério da Saúde parou de enviar doses para vacinar adolescentes, interrompendo a imunização do grupo em SC 

Com pouco mais da metade do grupo com a primeira dose, a imunização dos adolescentes de 12 a 17 anos contra a Covid-19 está temporariamente suspensa em Santa Catarina. O Ministério da Saúde não envia doses para o grupo desde o último mês, após suspender a imunização do grupo.

A superintendência do órgão em Santa Catarina informou que não há previsão ou sinalização do envio de mais imunizantes.

Doses enviadas agora são destinados para a aplicação da segunda dose e reforço vacinal – Foto: Arquivo/Fotos Públicas/Divulgação/NDDoses enviadas agora são destinados para a aplicação da segunda dose e reforço vacinal – Foto: Arquivo/Fotos Públicas/Divulgação/ND

Os lotes encaminhados agora são destinados para aplicação do reforço vacinal e a D2. Até então foram enviadas imunizantes para vacinar 45% dos adolescentes, informou a Dive/SC (Diretoria de Vigilância Epidemiológica).

A pasta chegou a remanejar imunizantes para continuar as campanhas, mas o estoque acabou. No dia 28 de setembro foram enviados aos municípios as últimas doses destinadas para aplicação em adolescentes – já decorrem duas semanas.

Chapecó, Blumenau, Criciúma e Florianópolis suspenderam há mais de uma semana a imunização contra o coronavírus de jovens, apurou a NDTV. Apenas Joinville e Itajaí seguem vacinando os adolescente de 12 a 17 anos.

O vacinômetro de Santa Catarina aponta que 52% dos adolescentes já tomaram a primeira dose até esta sexta-feira (15). O número cai para 0,13% entre aqueles que concluíram o esquema vacinal.

*Com informações da repórter Anne Beckhauser, da NDTV

+

Saúde

Loading...