Servidores municipais de Florianópolis debatem os rumos da greve na tarde desta segunda-feira

Assembleia será realizada às 13h30 na Praça Tancredo Neves, no Centro

Servidores municipais de Florianópolis, que estão em greve desde o dia 2, terão uma nova assembleia na tarde desta segunda-feira (7) para decidir os rumos do movimento. Na semana passada, a Prefeitura anunciou a cobrança dos dias não trabalhados dos funcionários.

De acordo com Alex Santos, presidente do Sintrasem (Sindicato dos Trabalhadores no Serviço Público Municipal de Florianópolis), por volta das 13h, haverá uma reunião entre o Conselho e o Comando de Greve e, logo em seguida, às 13h30, começa a assembleia, na Praça Tancredo Neves, no Centro de Florianópolis.

Ele argumenta que a adesão continua em torno de 85% dos 10 mil funcionários municipais e que até agora não há nenhuma data marcada para uma nova mesa de negociações. “Até sinalizaram que poderíamos conversar na próxima quarta-feira, mas nada certo”, comentou.

Na quinta-feira, o TJ-SC (Tribunal de Justiça de Santa Catarina) determinou o restabelecimento integral dos serviços de saúde, educação e assistência social no prazo de 48h. O Sintrasem entrou com uma ação para tentar derrubar a liminar na sexta-feira e, apesar do prazo já ter terminado, diz que ainda aguarda uma resposta. Se descumprir a decisão do TJ, o sindicato terá que pagar multa diária de R$ 50 mil.

Já a prefeitura contesta a informação do sindicato de que a adesão chega a quase a totalidade dos funcionários, dizendo que na área de saúde, por exemplo, o número de funcionários que não estão trabalhando não chega nem a 30%. O prefeito Cesar Souza Júnior tem dito que mantém a mesa de negociação com o sindicato aberta, desde que os servidores retornem às atividades.

Alessandra Oliveira/ND

Parte dos postos de saúde de Florianópolis funciona com atendimento parcial à população

Participe do grupo e receba as principais notícias
da Grande Florianópolis na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
+

Saúde

Loading...