Sexta-feira será de vacinação contra Covid-19 na Grande Florianópolis; confira

Veja o cronograma e os locais, fixos e móveis, para buscar a primeira, segunda ou terceira dose da vacina na região

As quatro principais cidades da Grande Florianópolis divulgaram o cronograma de vacinação contra a Covid-19 para esta sexta-feira (14), além da documentação necessária para que a população receba a primeira, segunda ou terceira dose do imunizante.

Vacinação segue disponível na região nesta sexta – Foto: Banco de Imagens/NDVacinação segue disponível na região nesta sexta – Foto: Banco de Imagens/ND

Florianópolis

A Capital segue com a aplicação de primeiras doses em adolescentes de 12 a 17 anos, além das outras faixas etárias já habilitadas para receber a vacina. A segunda dose e a de reforço podem ser administradas em todas as pessoas que já tenham completado o prazo desde a última aplicação.

O prazo em Santa Catarina é de acordo com o estabelecido por cada fabricante, sendo a Coronavac com quatro semanas, Astrazeneca com 10 e Pfizer com oito semanas.

Pontos fixos, das 9h às 16h:

  • Centro de Eventos Luiz Henrique da Silveira;
  • Centro de Eventos da UFSC;
  • Antigo Aeroporto.

Centro de Saúde, das 8h às 16h:

  • Centro de Saúde Coloninha;
  • Centro de Saúde Abraão.

Vacinação itinerante, das 9h às 16h:

  • Praça XV – Centro.

Todos os pontos estarão aplicando todas as vacinas.

Além disso, a Prefeitura de Florianópolis anunciou que vai começar a distribuir senhas para testagem em pontos de testagem contra Covid-19. Serão 550 senhas diárias no NEIM Celso Ramos e 225 ao dia em cada um dos pontos de testagem itinerante.

Os pontos de testagem para pessoas sem sintomas são:

a) Das 9h às 17h:

  • Sapiens Park no Norte da Ilha;
  • Centro comunitário Fazenda do Rio Tavares, próximo ao Tirio.

b) Das 8h30 às 16h:

  • Ginásio do NEIM Osmar Cunha.

As pessoas com sintomas de Covid-19 devem ser encaminhadas pelo Alô Saúde Floripa ou equipes de Saúde. Isto porque somente estas equipes podem indicar qual o melhor momento para testagem e conduta ao paciente.

O momento errado da coleta do teste pode gerar um ‘falso negativo’. Os centros de testagem funcionarão das 8h30 às 19h para os assintomáticos. Com locais no Centro, Continente, Sul e Norte. O ponto itinerante estará estacionado no terminal antigo, das 9h às 17, com 225 senhas disponíveis.

São José

São José mantém a vacinação da primeira dose em adolescentes de 12 a 17 anos e para adultos acima de 18 anos. A aplicação da segunda dose será realizada para quem está no prazo dos imunizantes Coronavac, Astrazeneca e Pfizer.

A dose de reforço está disponível para pessoas com imunossupressão que já tenham tomado a segunda dose há 28 dias, quem tem 18 anos ou mais e já completou quatro meses da dose dois, além de pessoas acima de 18 anos que realizaram a dose da Janssen e já completaram o período mínimo de dois meses.

O horário de vacinação nas Unidades Básicas de Saúde é das 8h às 15h e na Policlínica de Campinas segue até 21h.

Palhoça

Palhoça fará a aplicação da primeira dose da vacina em adultos a partir de 18 anos. A segunda dose (Pfizer, Atrazeneca e Coronavac) estará disponível para quem estiver no prazo de receber.

Já a terceira dose estará disponível para pessoas a partir de 60 anos, respeitando cinco meses de intervalo da última aplicação, e imunossuprimidos, respeitando o intervalo de 28 dias da última dose.

A dose de reforço também estará disponível para profissionais de saúde, respeitando o intervalo de cinco meses da última aplicação, que trabalhem ou residam em Palhoça, portando declaração de vínculo com o estabelecimento de saúde.

Confira onde a vacinação acontece em Palhoça:

  • Estação Palhoça, das 9h às 16h;
  • Posto de vacinação da praia da Pinheira, das 9h às 13h;
  • Posto de vacinação do Shopping Via Catarina, das 9h às 16h.

Biguaçu

A primeira dose está disponível para adolescentes acima de 12 anos e pessoas que ainda não se imunizaram.

A segunda aplicação da Coronavac pode ser recebida por quem já completou o intervalo de 28 dias. O público que recebeu a primeira dose da Pfizer há 8 semanas também pode tomar a segunda.

Com relação a dose de reforço, idosos com 60 anos ou mais que tomaram a segunda dose ou a vacina de dose única (Janssen) há pelo menos dois meses podem buscar atendimento.

Profissionais da saúde que completaram o esquema vacinal há cinco meses e pessoas com imunossupressão que foram imunizadas há 28 dias também podem receber a terceira dose.

O atendimento acontece nas Unidades Básicas de Saúde do Centro, Tijuquinhas, Prado, Fundos e Marco Antônio.

Participe do grupo e receba as principais notícias
da Grande Florianópolis na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
+

Saúde

Loading...