Veja como será a vacinação na Grande Florianópolis nesta quinta

Confira os locais, horários e documentos necessários para receber a primeira, segunda ou terceira dose da vacina na região

A região da Grande Florianópolis terá mais um dia de imunização contra a Covid-19. Abaixo você confere os locais, horários e documentos necessários para receber a primeira, segunda ou terceira dose da vacina nesta quarta (20).

Vacinação segue na região durante esta quinta-feira – Foto: Secretaria de Saúde/Divulgação/NDVacinação segue na região durante esta quinta-feira – Foto: Secretaria de Saúde/Divulgação/ND

Como será a vacinação na Grande Florianópolis:

Florianópolis

A Capital segue aplicando segunda dose e dose de reforço nesta quinta-feira. As doses de reforço, serão destinadas para idosos que receberam a segunda dose até dia 24 de abril, ou seja, 180 dias, e pessoas com alto grau de imunossupressão que receberam a segunda dose há 28 dias.

A dose de reforço para profissionais de Saúde não acontecerá nesta quinta-feira. Elas serão aplicadas na sexta-feira, 22 de outubro.

  • Pontos fixos de vacinação das 9h às 16h:

Centro de Eventos da UFSC;
Centro de Eventos Luiz Henrique da Silveira;
Estádio Orlando Scarpelli;
Floripa Shopping;
Antigo Aeroporto.

  • Ponto fixo das 7h30 às 18h30:

Sead/UFSC.

São José

São José segue com a aplicação da segunda dose e da dose de reforço do imunizante contra a Covid-19. Estarão abertas as Unidades Básicas de Saúde para atender a população.

A aplicação da dose 2 dos imunizantes da Coronavac, Astrazeneca e Pfizer será para as pessoas que estão dentro do prazo. Já a dose de reforço, é para os pacientes com imunossupressão com 28 dias da segunda dose, para os profissionais da saúde que já completaram seis meses da dose 2 e para os idosos com 60 anos ou mais que já completaram seis meses da segunda dose.

Locais de vacinação: UBSs Bela Vista, Real Parque, Serraria (novo), Goiabal, Ceniro Martins, Sertão do Maruim, Picadas do Sul, Barreiros, Forquilhas, Luar, Roçado, Ipiranga, Zanellato, Procasa, Sede, Forquilhinha e Fazenda Santo Antônio, além de Campinas.

O horário de atendimento das unidades é das 9h às 16h e em Campinas segue até as 21h.

Palhoça

Palhoça retoma a aplicação da primeira dose para adolescentes entre 12 e 17 anos. Além disso, a segunda dose da vacina da Astrazeneca, Pfizer, Coronavac, e os reforços para maiores de 60 anos, com seis meses de intervalo, e imunossuprimidos, com no mínimo 28 dias de intervalo da última aplicação, permanecem sendo aplicadas normalmente.

No momento da vacinação, os adolescentes precisam apresentar documento de idade, número de cadastro na unidade de saúde, cartão nacional do SUS e comprovante de residência.

A vacinação dos adolescentes de 12 a 17 anos de idade está condicionada à autorização dos pais e/ou responsáveis legais. Caso o adolescente esteja acompanhado por um adulto responsável, a vacinação pode ser consentida por meio de uma autorização verbal deste.

Caso não haja presença de um adulto responsável, a vacinação poderá ocorrer mediante apresentação de termo de assentimento devidamente preenchido e assinado pelos pais e/ou responsáveis legais.

  • Locais de aplicação (segunda a sábado):

– Estação Palhoça, das 9h às 13h;
– Posto de vacinação Shopping Via Catarina, das 9h às 16h;
– Posto de vacinação da Praia da Pinheira, das 9h e às 16h.

Biguaçu

Com a chegada de novas doses da vacina contra a Covid-19, o município de Biguaçu avança na vacinação de adolescentes a partir de 12 anos de idade e na aplicação da dose de reforço.

As vacinas serão aplicadas nas Unidades Básicas de Saúde do Centro, Tijuquinhas, Fundos, Prado e Marco Antônio, para os seguintes grupos:

  • Primeira dose:

– Adolescentes com 12 anos ou mais;
– Remanescentes.

  • Segunda dose

– Coronavac, para quem recebeu a primeira dose há pelo menos 28 dias;
– Pfizer, para quem recebeu a primeira dose há pelo menos 8 semanas;
– AstraZeneca, para quem recebeu a primeira dose há pelo menos 10 semanas.

  • Terceira dose

– Idosos com 60 anos ou mais que tenham tomado a segunda dose ou vacina de dose única há, no mínimo, seis meses (180 dias);

– Profissionais da Saúde que tenham tomado a segunda dose ou vacina de dose única há, no mínimo, seis meses (180 dias), com vínculo de trabalho ou residência em Biguaçu;

– Imunossuprimidos que tenham tomado a segunda dose ou vacina de dose única há, no mínimo, 28 dias.

Documentação

  • Adolescentes com 12 anos ou mais sem comorbidades: documento de identificação com foto, CPF, Cartão Nacional do SUS (se tiver) e comprovante de residência em nome dos pais ou responsáveis. Os adolescentes devem estar acompanhados por um dos pais ou responsável ou levar autorização preenchida e assinada.
  • Remanescentes (grupos de pessoas que perderam o prazo da primeira dose em etapas anteriores): documento de identificação com foto, CPF, Cartão Nacional do SUS (se tiver) e comprovante de residência.
  • Segunda dose: documento de identificação com foto, CPF, Cartão Nacional do SUS (se tiver) e comprovante de recebimento da primeira dose.
  • Reforço para idosos com 60 anos ou mais: documento de identificação com foto, CPF, Cartão Nacional do SUS (se tiver) e comprovante da segunda dose.
  • Reforço para profissionais da saúde: documento de identificação com foto, CPF, Cartão Nacional do SUS (se tiver), declaração atual de vínculo com o estabelecimento de saúde; comprovante de residência caso o estabelecimento de trabalho não seja em Biguaçu. Em caso de profissional autônomo, apresentar a guia de recolhimento de ISS.
  • Reforço para imunossuprimidos : documento de identificação com foto, CPF, Cartão Nacional do SUS (se tiver), comprovante da segunda dose e documento que comprove a condição de saúde, podendo ser cópia de atestado ou relatório médico, contendo a descrição da Classificação Internacional de Doenças, cópia de prescrição médica, exames ou receitas, que também deixem clara a condição de imunossupressão, considerando o prazo de validade de um ano para as prescrições de medicamentos de uso não controlados.

Veja os dias, horários e endereços de funcionamento das UBS:

– De segunda a sexta-feira, das 8h às 11h e das 13h às 15h30:

UBS Centro – Rua São José, nº 180;

UBS Tijuquinhas – Rua Hermínio Silvy s/n.

– De segunda a sexta-feira, das 10h às 13h e das 14h às 18h:

UBS Prado – Rua Treze de Maio, nº 307;

UBS Fundos – Rua Maria da Cunha Manoel, nº 2;

UBS Marco Antônio – Rua Homero de Miranda Gomes, nº 1.261.

Participe do grupo e receba as principais notícias
da Grande Florianópolis na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
+

Saúde

Loading...