Acusada de matar grávida em Canelinha, é considerada mentalmente sã

Mulher acusada de matar a amiga para roubar o bebê em Canelinha, foi considerada mentalmente sã pelo laudo da perícia, e deve agora ser julgada pelo crime.

Assim, a mulher é classificada como responsável pela ação, e será processada pelo crime que supostamente cometeu.

Acompanhe os detalhes no Sc no ar.

+

SC no ar