Agentes penitenciários são presos em Lages por crimes contra administração pública

Foram realizadas 13 buscas e apreensões em Videira, Fraiburgo, Curitibanos e Joaçaba, além dos municípios paranaenses de Curitiba e Colombo

Dois agentes penitenciários foram presos pela Operação Pecúlio realizada pelo Gaeco na manhã desta sexta-feira (10), em Lages, na região serrana de Santa Catarina. Os agentes foram detidos por suspeita de supostos crimes contra a administração pública.

MPSC/DivulgaçãoMPSC/Divulgação

De acordo com a SJC (Secretária de Justiça e Cidadania) e a Corregedoria Geral da SJC, além dos mandados de prisão válidos por cinco dias, foram realizadas 13 buscas e apreensões nos municípios de Videira, Fraiburgo, Curitibanos e Joaçaba, em Santa Catarina, e nos municípios paranaenses de Curitiba e Colombo.

Leia também:

A investigação foi realizada pela 2ª Promotoria de Justiça da Comarca de Videira e contou com colaboração da Corregedoria da SJC e do próprio GAECO.

A organização investiga supostos crimes contra a administração pública como corrupção passiva e ativa, associação criminosa e especialmente o peculato. Além de atos de improbidade administrativa, envolvendo agentes públicos (que já não atuam mais naquela unidade prisional) e terceiros.

A Corregedoria também acompanha a operação para garantir aos servidores acusados o amplo direito à defesa e ao contraditório.

Os mandados de prisão temporária e busca e apreensão da operação foram expedidos pela Vara Criminal de Videira e estão sendo cumpridos pelos policiais do Gaeco de Santa Catarina e do Paraná, com apoio do CAT (Centro de Apoio Operacional Técnico do MPSC) e do IGP (Instituto Geral de Perícias).

A operação leva esse nome por investigar indícios de desvio do pecúlio dos presos (valor destinado ao detento, vindo de seu trabalho remunerado exercido enquanto cumpre sua pena ou depositados por familiares). Além de irregularidades na compra de alimentos para a Unidade Prisional e no uso do cartão de pagamento de despesas ordinárias de unidade prisional.

+

Segurança

Loading...