Até que enfim o governo dá uma boa notícia na aréa da segurança pública

Santa Catarina vai recompor o efetivo policial com a nomeação de 1.294 servidores, incluindo 658 na PM, 486 na Civil e mais 150 no IGP

Divulgação/ND

Governador Raimundo Colombo anuncia a contratação de 1.294 policiais aprovados em concurso público

Boa notícia

Até que enfim saiu uma boa notícia do Centro Administrativo para a área de segurança pública. No primeiro semestre 1.294 servidores, entre policiais militares, policiais civis e peritos do Instituto Geral de Perícias aprovados no último concurso público, serão nomeados para começar o curso de formação na academia em junho. Na Polícia Militar serão chamados 658 soldados. Na Polícia Civil mais 420 agentes e 66 delegados. E no Instituto Geral de Perícias mais 150 auxiliares criminalísticos. Também estão em período de formação na Academia da Polícia Civil 31 escrivães e 38 psicólogos. A segurança pública precisa, urgentemente, recompor o efetivo e resgatar a sensação de segurança. Em Joinville, a situação está complicada com a alta taxa de assassinatos. O clima está tão tenso que os pais ficam preocupados quando os filhos demoram. A falta de efetivo combinada com a ausência de equipes de investigação fortalece o poder paralelo e enfraquece a segurança. Este reforço no efetivo permite à cúpula da segurança pública dar um respiro, porque há muito pedido de aposentadoria por tempo de serviço.

Fim de linha
A Polícia Civil de Laguna prendeu um homem de 28 anos condenado a três anos e oito meses por furto. O crime ocorreu em setembro de 2010, em uma residência localizada no município. Na ocasião, o larápio foi flagrado pela proprietária saindo da casa com um saco nas costas cheio de produtos roubados. A mulher chamou a PM e ele foi preso. Meses depois foi solto e no início do ano condenado à revelia. Agentes da Divisão de Investigação Criminal cumpriram mandado de prisão e o encaminharam para o xilindró. 

Joinville
A Polícia Civil de Joinville fechou a Delegacia de Trânsito e transferiu o efetivo para a recém-criada Delegacia de Homicídio. A nova especializada contará com três delegados de Polícia, quatro escrivães e 16 agentes com dedicação exclusiva. Os  acidentes de trânsito serão atendidos pela Polícia Militar e investigados pelas delegacias de bairro. A DP de Homicídio vai trabalhar somente com assassinatos e latrocínio (matar para roubar).

Divulgação/ND

Policiais cercam a casa para prender dois assaltantes de alta periculosidade que agem em Concórdia

Cerco policial
A polícia cumpriu dois mandados de prisão temporária e dois mandados de busca e apreensão em Concórdia, Oeste do Estado, e capturou dois homens, ambos com 25 anos. Eles são suspeitos de roubo qualificado na noite de 15 de dezembro do ano passado. Na casa deles foram apreendidos um revólver calibre .38 special municiado com 4 cartuchos de calibre .38 special, uma pistola calibre 9mm de fabricação italiana e seis cartuchos de munição calibre 380. A dupla foi encaminhada ao Presídio Regional de Concórdia.  

Traficante preso
O comandante do 4º BPM, tenente-coronel Marcelo Pontes, não está dando trégua para o tráfico de drogas. Ele determinou uma “campana” reforçada no Sul da Ilha, onde vizinhos reclamavam do tráfico de maconha e de cocaína no Campeche. Na rua monitorada, os policiais prenderam Carlos. Ele tinha 60 petecas de pó e vinte e duas trouxinhas de maconha. O preso foi levado para a 2ª DP do Saco dos Limões e autuado em flagrante por tráfico de drogas.  

Divulgação/ND
Na casa de Marcelo, suspeito de assaltar ônibus em São José, os policiais encontraram a arma que ele usava nos roubos e maconha

Assalto a ônibus
Agentes da  Divisão de Investigação Criminal de São José prenderam um flagrante no bairro Dona Wanda, em São José, Marcelo Silva,24 anos, investigado em assalto a ônibus. O suspeito tinha um revólver e um tablete de maconha. Segundo o delegado Manoel Galeano, o alvo é investigado em assaltos ocorridos na sexta e segunda-feira. Neste último, o ladrão levou R$ 300. No anterior não havia passageiros e ele roubou o celular do cobrador. 

Caixa eletrônico
Josimar, 29, com várias passagens pela polícia, foi descoberto fazendo levantamento num banco em São Pedro de Alcântara. No interrogatório, ele disse que os comparsas estavam em um Citröen com placas de Joinville. O veículo foi localizado rondando a área, com Valtemir, Gonçalves e Alexsandro. Eles foram levados à DP local e liberados porque não foi localizada nenhuma ferramenta no carro utilizado para o arrombamento do caixa eletrônico.

Rosane Lima/ND

Camila viajava com duas malas cheias de drogas sintéticas e se passava como uma moça exemplar, lendo a Bíblia

Ecstasy
Para tentar passar despercebida nos aeroportos internacionais e brasileiros com um carregamento de mais de 68 mil comprimidos de ecstasy, a goianiense Camila Soares de Souza, 27, vinha lendo uma Bíblia no avião. Mas nada disso adiantou. Ela foi monitorada pela polícia até o desembarque em Florianópolis, onde foi capturada. Se conseguisse entregar o carregamento, ganharia R$ 10 mil livre de hospedagem e passagens aéreas. Camila está no Presídio Feminino de Florianópolis.

Loading...