Cão de resgate de Presidente Getúlio morre nesta sexta-feira

Benny tinha 2 anos e atuou em ações de resgate nas cidades de Lontras e Pomerode

Os Bombeiros Voluntários de Presidente Getúlio estão de luto. Morreu nesta sexta-feira a Cão de Resgate Benny, uma Labrador Retriever.

Benny tinha 2 anos e atuou em ações de resgate nas cidades de Lontras e Pomerode.

Segundo o parceiro e tutor, Benny era uma cadela bem alegre e inteligente – Foto: Marcelo Lamin/Divulgação/NDSegundo o parceiro e tutor, Benny era uma cadela bem alegre e inteligente – Foto: Marcelo Lamin/Divulgação/ND

O bombeiro voluntário Marcelo Lamim conta que a causa da morte ainda está sendo investigada pela veterinária. Marcelo era binômio (nome dado para dupla entre bombeiro voluntário e cão de busca) e tutor da Benny.

>> Leia mais: Procura-se dono de gato com coleira encontrado na rua pela equipe de reportagem

Conforme o bombeiro voluntário, a cadela estava em processo de treinamentos para certificação de cão de resgate.

Ainda segundo Marcelo Lamin, Benny era muito alegre e inteligente.

Confira fotos da cão de resgate Benny:

Segundo o parceiro e tutor, Benny era uma cadela bem alegre e inteligente - Marcelo Lamin/Divulgação/ND
1 8

Segundo o parceiro e tutor, Benny era uma cadela bem alegre e inteligente - Marcelo Lamin/Divulgação/ND

Benny fazia parte da Associação Cão Amigo Focinho Herói - Marcelo Lamin/Divulgação/ND
2 8

Benny fazia parte da Associação Cão Amigo Focinho Herói - Marcelo Lamin/Divulgação/ND

Marcelo Lamin era seu binômio (nome dado a dupla de bombeiro militar e cão de busca) - Marcelo Lamin/Divulgação/ND
3 8

Marcelo Lamin era seu binômio (nome dado a dupla de bombeiro militar e cão de busca) - Marcelo Lamin/Divulgação/ND

Benny morreu nesta sexta-feira - Marcelo Lamin/Divulgação/ND
4 8

Benny morreu nesta sexta-feira - Marcelo Lamin/Divulgação/ND

Benny tinha dois anos de idade - Marcelo Lamin/Divulgação/ND
5 8

Benny tinha dois anos de idade - Marcelo Lamin/Divulgação/ND

A cadela estava em processo de treinamentos para certificação para poder atuar em mais ações de resgate - Marcelo Lamin/Divulgação/ND
6 8

A cadela estava em processo de treinamentos para certificação para poder atuar em mais ações de resgate - Marcelo Lamin/Divulgação/ND

A cadela já havia atuado em duas operações de resgate nas cidades de Lontras e Pomerode - Marcelo Lamin/Divulgação/ND
7 8

A cadela já havia atuado em duas operações de resgate nas cidades de Lontras e Pomerode - Marcelo Lamin/Divulgação/ND

Benny tinha 2 anos e atuava como cão de resgate - Marcelo Lamin/Divulgação/ND
8 8

Benny tinha 2 anos e atuava como cão de resgate - Marcelo Lamin/Divulgação/ND

Participe do grupo e receba as principais notícias
de Blumenau e região na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.

+

Bombeiros