Ex-namorado é preso após perseguir assistente de palco do Ratinho

Segundo a vítima, policial já demonstrava comportamento abusivo e instável durante o relacionamento

O investigador da Polícia Civil, Erik Becker, foi preso na cidade de São Paulo nesta quinta-feira (16) por ameaçar e perseguir Rhenata Schmidt, assistente de palco do Programa do Ratinho, do SBT. Ele foi detido por policiais da corregedoria da Polícia Civil.

O casal estava junto há três meses e, segundo a vítima, o policial já demonstrava um comportamento abusivo no relacionamento e piorou quando ela decidiu se separar. As informações são do R7.

Rhenata Schmidt, assistente de palco do Ratinho, e o ex-namorado – Foto: ReproduçãoRhenata Schmidt, assistente de palco do Ratinho, e o ex-namorado – Foto: Reprodução

“Logo no primeiro mês, eu já senti ele agressivo, muito ciúmes de tudo, não podia tocar no celular. De cinco em cinco minutos, ele mudava de humor, ficava bravo e chorava. Quando comecei a tentar me afastar dele, foi se tornando mais agressivo e me agrediu cinco vezes”, disse.

Segundo a vítima, após o término do relacionamento, o policial “quebrou a casa dela, a televisão e atacou coisas no chão”. Rhenata Schmidt precisou acionar a polícia para que o ex-namorado deixasse a casa dela depois de ser ameaçada de morte.

O policial civil estaria alterado e teria pedido para buscar os itens pessoais na casa da assistente de palco. Erik também teria levado documentos pessoais de Rhenata como RG e passaporte, além de dois pássaros de estimação.

A assistente de palco conseguiu uma medida protetiva contra o policial civil e alega ter perfis invadidos em redes sociais. “Ele furtou meus telefones, minha casa e roupas”.

O ex-manorado foi encaminhado à sede da 7ª Corregedoria da Polícia Civil, localizada em Sorocaba, no interior do Estado. Ele foi denunciado por furto qualificado, abuso de confiança e tentativa de estelionato além de divulgação de fotos e vídeos, ameaças e descumprimento de medida protetiva.

+

Segurança

Loading...