João Paulo Messer

Política, economia, bastidores e tudo que envolve o cotidiano e impacta na vida do cidadão de Criciúma e região.


Ausência do Exército leva cancelamento de desfiles do dia 7 de setembro

Tubarão anunciou cancelamento do seu desfile na última sexta-feira e Criciúma deve fazer o mesmo ainda nesta segunda-feira.

O governo municipal de Criciúma, que chegou a anunciar que faria neste ano o “maior desfile de todos os tempos”, deve anunciar ainda nesta segunda-feira a suspensão do desfile alusivo ao 7 de setembro. A medida é consequência da informação recebida da unidade local do Exército.

As unidades do Exército Brasileiro são sempre atração nos desfiles de 7 de setembro. – Foto: DivulgaçãoAs unidades do Exército Brasileiro são sempre atração nos desfiles de 7 de setembro. – Foto: Divulgação

O Ministério da Defesa proibiu a participação de qualquer unidade do Exército Brasileiro em desfiles. Assim nenhum quartel sairá da unidade para atos desta natureza seja neste dia 25 de agosto (dia do soldado) ou no dia 7 de setembro (aniversário da independência do Brasil).

Em Tubarão a administração municipal divulgou nota sugerindo que as escolas façam atividade interna nas escolas considerando o dia letivo.

A proposta de realizar um grande desfile em Criciúma tem a ver com algumas medidas anunciadas pelo governo como a obrigatoriedade da execução do hino nacional nas escolas todas as segundas-feiras e a recém inaugurada “Rua da Gente”, criada para eventos desta natureza. O que o governo municipal não considerada era a ausência do exército.

Loading...