Morre aos 89 anos o empresário Avelino Bragagnolo

Avelino foi o fundador da empresa Bragagnolo Papel e Embalagens

Faleceu na madrugada desta segunda-feira (7) em Joaçaba, no Meio-Oeste, o empresário Avelino Bragagnolo. Ele tinha 89 anos e morreu após sofrer um infarto em casa. As informações são do Portal Faxinal. 

Avelino Bragagnolo morreu em casa – Foto: Reprodução/ND

Avelino foi o fundador da empresa Bragagnolo Papel e Embalagens.  O sepultamento dele está programado para acontecer na tarde desta segunda-feira, em Joaçaba. 

Filho de agricultores, Avelino Bragagnolo começou a trabalhar ainda jovem. Em 1963, construiu uma fábrica de papel em Faxinal dos Guedes, no Oeste de Santa Catarina. 

A empresa produz por mês seis mil toneladas de papel, papelão ondulado e embalagens e conta com 900 trabalhadores. É uma das pioneiras na atividade de reflorestamento em Santa Catarina.

Avelino também ficou conhecido por ser um dos responsáveis pelo desenvolvimento do Distrito de Barra Grande.

Luto 

O presidente da Câmara de Vereadores de Faxinal dos Guedes, Fernando Pilatti, lamentou a morte do empresário Avelino Bragagnolo.  

“Recebi com muita tristeza a morte do senhor Avelino. Eu diria que a notícia vai além da perda de um grande empresário, mas é a morte de um amigo do povo faxinalense, de um homem que pensou em um futuro para nossa cidade e ajudou muitos faxinalenses, gerando emprego e principalmente cuidando das pessoas”, disse. 

O prefeito Gilberto Lazzari, de Faxinal dos Guedes, também lamentou a morte do empresário.  Para ele,  a vida e o legado de Avelino jamais serão esquecidos. 

“Avelino foi mais que um grande empresário de Faxinal dos Guedes e de Santa Catarina. Foi um homem visionário e com uma humildade que jamais será esquecida. Nós estamos consternados e lamentamos profundamente a morte do amigo Avelino Bragagonolo, que tanto lutou pelo desenvolvimento da nossa querida cidade e dos nossos faxinalenses”, comentou.

+

Segurança