Mulher acusada de mandar matar o amante é julgada em Joinville

Maria Isabel Coelho Tavares é acusada de pagar R$ 2 mil para matar Valdir Cordeiro Pereira em 2013, no bairro Fátima

Uma relação extraconjugal que terminou em morte. Esse é caso que será esclarecido pelo Tribunal do Júri do Fórum de Joinville nesta quinta-feira (10). No banco dos réus estará Maria Isabel Coelho Tavares, acusada de mandar matar o amante Valdir Cordeiro Pereira, na época com 52 anos. O homem foi executado com dois tiros em 9 de março de 2013, no cruzamento das ruas Fátima e Bateias, no bairro Fátima, zona Sul de Joinville.

Segundo o processo criminal, Maria não queria mais manter o relacionamento com Valdir e teria contratado dois adolescentes para matar o amante. Por volta da 0h50 daquela madrugada de feriado, os dois adolescentes colocaram o plano em ação. Em uma moto, a dupla interceptou Valdir quando ele estava parado no cruzamento. O carona da moto sacou uma arma e fez dois disparos conta Valdir, que morreu no local.

Valdir não tinha antecedentes criminais e voltava do trabalho quando foi morto. “Durante o curso das investigações, apurou-se que a mandante do crime foi a denunciada Maria Isabel Coelho Tavares, amante da vítima há cerca de 13 anos. O crime foi cometido mediante promessa de recompensa, vez que a denunciada prometeu aos adolescentes a quantia de R$ 2.000,00 para que o crime fosse executado”, diz o processo criminal.

Maria Isabel responde por homicídio qualificado, mediante promessa de recompensa, motivo torpe e recurso que dificultou a defesa do agredido. De acordo com o processo, a defesa ficará a cargo do 7º Ofício da Defensoria Pública. Já a acusação fica por conta do promotor Paulo Bianchi Beal, da 12ª Promotoria do Ministério Público. A sessão, que inicia às 10h e é aberta à comunidade, será presidida pela juíza Karen Francis Schubert Reimer.

Participe do grupo e receba as principais notícias
de Joinville e região na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
+

Segurança

Loading...