Polícia Civil prende supostos líderes de associação criminosa em Porto Belo

Investigação apurou a existência de grupo criminoso suspeito de traficar drogas para a alta sociedade de Porto Belo e Itapema; três homens foram presos

A Polícia Civil cumpriu nesta quinta-feira (23) um mandado de busca e apreensão e a prisão temporária de dois suspeitos de traficarem drogas para a alta sociedade dos municípios de Itapema e Porto Belo, localizadas na região do Vale do Itajaí.

Suspeitos de comandar associação criminosa em Porto Belo foram presos nesta quinta-feira (23) – Foto: Divulgação/Polícia Civil

Segundo a Polícia Civil de Itapema, a investigação teve início no dia 6 de junho, após a apreensão de 50 gramas de cocaína, telefone celular e grande quantia de dinheiro com dois indivíduos.

Os policiais identificaram outros usuários, assim como a existência, em tese, de uma estrutura da associação criminosa para a prática do tráfico de drogas e o modus operandi de seus operadores.

Um terceiro suspeito de integrar o grupo foi preso pela Polícia Militar, também na quinta-feira, na casa da própria mãe, em Camboriú.

A investigação demonstrou que um deles era o líder da associação e comandava os outros membros, os quais tinham a função de entregar a droga para usuários com grande poder aquisitivo na região.

Com base nessas informações, o delegado do Setor de Investigações Criminais representou pela busca e apreensão na casa dos suspeitos, bem como pelas suas prisões temporárias.

Nesta quinta-feira (23), policiais permaneceram em campana na porta da casa dos suspeitos, na cidade de Porto Belo, e visualizaram três transações ilícitas. Eles entraram no local e cumpriram dois mandados de prisões.

Além deles, um terceiro usuário que estava comprando droga no local também foi encaminhado à delegacia. Quantias de dinheiro e de cocaína foram apreendidas.

+

Segurança