Após assaltar idosa e panificadora, homem é “linchado” em Araquari

Homem, 34 anos, foi linchado por moradores da cidade antes da polícia intervir na situação.

Um homem, 34 anos, foi preso em Araquari após realizar dois assaltos e sofrer um linchamento no mesmo dia. Os casos aconteceram nesta segunda-feira (6) na cidade. Somado a isso, ainda houve uma perseguição de carro antes da prisão do assaltante.

O homem estava com dois cortes profundos na região das costas – Foto: Bombeiros Voluntários AraquariO homem estava com dois cortes profundos na região das costas – Foto: Bombeiros Voluntários Araquari

O homem fez o primeiro assalto de manhã, por volta das 9h da manhã. Ele abordou uma idosa para roubar a sua carteira, perto da rodovia BR-280, no bairro Porto Grande.

A idosa passou o dinheiro ao ver que o assaltante estava com um volume abaixo da camiseta, supostamente uma arma. Ela estava a caminho do banco para pagar os boletos, como conta de água e luz.

Cinco horas depois, às 14h, começa o segundo assalto. O homem entra em uma padaria no Bairro São Benedito em Araquari. Uma funcionária pergunta se ele procura algum produto em específico.

O homem, rapidamente, agarra na mão da funcionária e anuncia o assalto. Mais uma vez, ele está com o volume embaixo da camiseta.

A funcionária passa o dinheiro do caixa para o homem, mas antes dele terminar o assalto, ela consegue escapar da panificadora.

O homem também sai do estabelecimento, correndo, e vai em direção a um carro estacionado fora da padaria. Só que antes de chegar ao veículo, um pedaço de metal escondido embaixo da sua camisa cai no chão. O que era supostamente uma arma, na verdade, era um objeto de metal.

O homem entra no carro para fugir. O proprietário da padaria vê a cena e vai atrás do assaltante.

Após uma perseguição de poucos minutos de carro na cidade de Araguari, o assaltante abandona o veículo e corre para tentar escapar. Isso perto do bairro Porto Grande, onde foi realizado o primeiro assalto.

Moradores, que estavam na rua,  também veem toda movimentação, do assaltante correndo, e vão atrás do homem. “Muitas pessoas, uma multidão, foram atrás dele”, segundo o Corpo de Bombeiros.

Os moradores alcançam o assaltante e, com objetos da rua, agridem o homem. A Policia Militar que estava passando pelo local intervém no linchamento e prende o assaltante.

Em seguida, os Bombeiros Voluntários de Araquari chegam e fazem o atendimento médico. O assaltante teve ferimentos graves e cortes nas costas.

De acordo com os bombeiros, enquanto era atendido, o jovem dizia que “ele não era disso (assaltante), que fez uma besteira. Foi um erro”. Segundo informações preliminares da Polícia Civil, ele não tinha antecedentes criminais.

Após o atendimento, ele foi encaminhado para a Polícia Civil de Araquari.

Participe do grupo e receba as principais notícias
de Joinville e região na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
+

Polícia

Loading...