Após audiência, homem tenta matar ex-amigo e sobra até para juíza em fórum de SC

O rapaz jogou o carro contra a vítima, de 23 anos, em frente ao fórum de Ibirama. Ele foi preso em flagrante por tentativa de homicídio

Uma briga entre ex-amigos, que também são primos e vizinhos, quase terminou em tragédia na tarde desta sexta-feira (1), às 15h30, no fórum de Ibirama. Após uma audiência online, o morador de Ibirama foi ao fórum buscar documentos e encontrou o vizinho, que também era parte envolvida no processo.

Revoltado, ele jogou o veículo contra a vítima, que conseguiu desviar. Mas o carro bateu no veículo do vizinho e, com o impacto, atingiu ainda o automóvel da juíza da comarca, que também estava estacionado. O responsável pela confusão foi preso em flagrante.

A confusão ocorreu em frente ao fórum de Ibirama – Foto: Divulgação/PM/NDA confusão ocorreu em frente ao fórum de Ibirama – Foto: Divulgação/PM/ND

Segundo o titular da 2ª Companhia de Polícia Militar de Ibirama, Gustavo Filipe de Oliveira Córdova, quando a Polícia Militar chegou para atender a ocorrência o responsável já estava calmo a acatou as ordens dos policiais. Ninguém ficou ferido, e a confusão terminou em danos aos três carros envolvidos.

O delegado Juliano Cesar Tumitan, titular da comarca de Rio do Sul, que estava substituindo um colega neste dia, informou que, após oitiva, o homem alegou ter ficado nervoso ao ver a vítima, já que ambos enfrentam um processo judicial há um ano por perturbação do sossego.

‘Um ajudou a construir a casa do outro’

Curioso, conforme palavras da autoridade judicial, é que eles são parentes e vizinhos e já foram, inclusive, amigos. “Um ajudou a construir a casa do outro e, de um ano para cá, começou essa desavença”, sublinhou o delegado. O processo criminal, que ainda depende de julgamento, tem anexado boletins de ocorrência das duas partes.

Os ex-amigos moram com as famílias na Serra São Miguel. Eles tinham acabado de participar de uma audiência online, relacionada a outro processo, e eram partes envolvidas. “Mas a briga, segundo o autor, ocorreu em função deste processo criminal que está tramitando”, esclarece o delegado.

O homem vai responder por dano qualificado, com prejuízo à vítima, e periclitação da vida, que é quando o agente quer ou assume o risco de expor a vida, ou saúde de terceiro a uma situação de perigo concreto. Por não ter antecedentes criminais, ele foi liberado após pagamento de fiança.

Participe do grupo e receba as principais notícias
de Blumenau e região na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
+

Polícia

Loading...