Após matar ciclista em ciclofaixa, motorista paga fiança e é solto em Joinville

Jovem estava bêbado no momento em que invadiu a ciclofaixa e atingiu duas mulheres na manhã de sexta-feira (22)

O motorista que invadiu uma ciclofaixa na sexta-feira (22), atropelou e matou uma mulher, e deixou outra em estado gravíssimo foi solto um dia após o acidente em Joinville, no Norte de Santa Catarina.

Motorista de 24 anos estava bêbado no momento da colisão – Foto: Polícia Militar/Divulgação/NDMotorista de 24 anos estava bêbado no momento da colisão – Foto: Polícia Militar/Divulgação/ND

O homem de 23 anos foi preso em flagrante, mas ganhou liberdade no sábado (23), após pagamento de fiança. Ele foi liberado após audiência de custódia e antes mesmo de ser encaminhado ao Presídio Regional de Joinville.

Bêbado no momento do atropelamento, que aconteceu pouco antes das 12h, no bairro Jarim Paraíso, ele fugiu do local sem prestar socorro, mas “atolou” o carro em uma rua próxima e foi detido por moradores até a chegada da Polícia Militar.

Segundo a PM, o teste do bafômetro apontou que ele havia bebido três vezes mais do que o permitido. Lindacir Rodrigues da Silva Morando, de 55 anos, morreu ainda no local do acidente, apesar das tentativas de reanimação. Ela estava na ciclofaixa quando foi violentamente atingida. Além dela, Thais Dias Gonçalves, de 25 anos, também foi atropelada pelo motorista.

Ela foi socorrida inconsciente e encaminhada ao Hospital Municipal São José. De acordo com as últimas informações repassadas pela unidade na manhã desta segunda-feira (25), ela permanece internada na UTI (Unidade de Terapia Intensiva) e o estado de saúde é considerado gravíssimo.

Participe do grupo e receba as principais notícias
de Joinville e região na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
+

Polícia

Loading...