Após matar mulher, homem leva corpo no carro e ainda oferece carona em SC

O homem chegou a dizer aos passageiros que a vítima era sua esposa e que estava dormindo sob efeito de medicamentos

Um crime surpreendente mobiliza a polícia em Joinville, no Norte de Santa Catarina. É que um homem confessou ter matado uma mulher e trazido ela até a cidade catarinense no veículo, oferecendo carona para duas pessoas durante o trajeto.

Polícia Civil foi acionada para investigar o caso – Foto: Arquivo/Bruno Golembiewski/NDPolícia Civil foi acionada para investigar o caso – Foto: Arquivo/Bruno Golembiewski/ND

Segundo a Polícia Militar, o homem de 23 anos procurou a delegacia de Guaratuba (PR), na quarta-feira (18), e confessou o homicídio.

A vítima é uma mulher de 56 anos que era considerada desaparecida desde o dia 6 de maio, junto ao seu veículo – que foi encontrado em Guaratuba, abandonado e trancado, e foi removido por familiares seis dias após o desaparecimento.

O homem contou à polícia que ele e a vítima estavam bebendo e ingerindo entorpecentes quando começou a estrangular a mulher, deixando-a inconsciente. Depois, dirigiu até um lugar ermo, onde retirou a vítima do carro, voltou a estrangulá-la até a morte e passou a dirigir outro veículo no sentido Joinville.

No trajeto, ele ainda deu carona para duas pessoas e disse a elas que a vítima era sua esposa e estava dormindo sob efeito de medicamentos, a fim de não levantar suspeitas.

Depois que os passageiros desembarcaram, o homem se livrou do corpo às margens da BR-101, em Joinville, mas não soube informar o local exato. Disse que parece ser um ponto perto da entrada do bairro Vila Nova, na zona Oeste da cidade.

Após a confissão, o homem foi preso e a Polícia Civil comunicada sobre o caso. O corpo ainda não foi localizado.

Participe do grupo e receba as principais notícias
de Joinville e região na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
Loading...