Assalto em Criciúma: Quatro pessoas são presas com duas malas de dinheiro

Tenente-coronel afirma que investigações devem indicar se houve envolvimento das quatro pessoas nos assaltos; PMSC já enviou, de Florianópolis a Criciúma, o Bope, o Choque e o Batalhão de Aviação

Quatro pessoas foram presas, por volta das 4h desta terça-feira (1º), após assaltos a agências bancárias de Criciúma, no Sul de Santa Catarina.

Assalto em Criciúma: Quatro pessoas são presas com duas bolsas de dinheiro – Foto: Divulgação/redes sociais/NDAssalto em Criciúma: Quatro pessoas são presas com duas bolsas de dinheiro – Foto: Divulgação/redes sociais/ND

Em contato com a reportagem do ND+, o tenente-coronel Cristian Dimitri Andrade do 9º BPM (Batalhão da Polícia Militar), detalhou o ocorrido.

“No momento da explosão de um dos bancos, muito dinheiro voou e alguns moradores estavam catando esse dinheiro. Porém, encontramos quatro suspeitos carregando duas malas cheias de dinheiro, próximo do local”, disse o tenente-coronel.

No entanto, o tenente-coronel Dimitri afirma que apenas a apuração dos fatos irá comprovar se os suspeitos tiveram envolvimento com o episódio.

PM com o que tem de melhor

A Polícia Militar de Santa Catarina já enviou até o Sul do Estado o reforço do Bope (Batalhão de Operações Especiais), a tropa do Choque, além do Batalhão de Aviação da corporação.

Segundo confirmado pelo subcomandante da PMSC, tenente-coronel Marcelo Pontes, trata-se do que o policiamento tem de melhor para, nesse caso, dar uma resposta a sociedade.

O episódio

A ação começou por volta da meia-noite desta terça-feira (1º), em Criciúma, com ataques criminosos em agências bancárias do município do Sul do Estado. Em seguida, vídeos que circulavam nas redes sociais mostravam os bandidos fortemente armados e trocando tiros.

Duas pessoas ficaram feridas, entre elas um vigilante e um policial militar. Após cerca de duas horas, os assaltantes deixaram o município em forma de “carreata”.

+

Polícia