Assalto em shopping de Joinville: “Só ouvi gritos”, diz funcionário de loja

Vendedor de uma loja próxima ao local do crime conta o que viu; achou que era uma briga e foi para a porta do estabelecimento

“Foi tudo muito rápido, questão de minutos e tudo já tinha acabado”. Esse foi o relato de um funcionário de uma loja que fica em frente a um dos estabelecimentos assaltados na manhã desta terça-feira (9) dentro de um shopping da zona Norte de Joinville.

Quatro criminosos armados entraram no shopping e assaltaram duas joalherias. Eles fugiram em um Ônix branco e estão sendo procurados, desde então, pela Polícia Militar por terra com a ajuda do helicóptero Águia.

Imagens mostram um dos homens pegando as joias e outro saindo após o assalto Imagens mostram um dos homens pegando as joias e outro saindo após o assalto – Foto: Montagem reprodução vídeo

“Eu estava no caixa e não vi diretamente o assalto. Só ouvi gritos. Achei que era uma briga e fui, então, para a porta da loja ver o que estava acontecendo. Aí soube do assalto”, conta o vendedor da loja.

Ele conta que abriu a loja às 10 e, por volta das 10h15, um cliente entrou. Logo depois das 10h30, começaram os gritos.

“As meninas das joalherias assaltadas ficaram muito nervosas”, relembra.

O funcionário disse, no entanto, que à tarde tudo estava normal, lojas abertas funcionando, seguranças e que nunca havia presenciado um assalto dentro do shopping.

Perguntado se sentia seguro, ele prontamente respondeu que sim e que o episódio de hoje foi algo isolado. “Pareceu que eles já tinham premeditado, foi algo organizado, muito rápido.”

A administração do shopping informou que ninguém se feriu durante a ação e que está colaborando com a polícia com as investigações.

O shopping não informou quanto foi levado em joias. Vai deixar a cargo da investigação das polícias Civil e Militar.

Acesse e receba notícias de Joinville e região pelo WhatsApp do ND+

Entre no grupo
+

Polícia