Brusque e Litoral de SC recebem reforço policial para fiscalizar regras sanitárias

Três cidades devem receber mais de 40 policiais para fiscalização das novas regras contra Covid-19 estabelecidas pelo novo decreto do governo do Estado

Com as novas regras sanitárias estabelecidas pelo novo decreto divulgado pelo governo Estadual, para conter o avanço da Covid-19, os batalhões de PM (Polícia Militar) de Balneário Camboriú, Brusque e Itajaí devem receber reforço policial.

Brusque recebe oito policiais para fiscalização de medidas sanitárias – Foto: PM Brusque/DivulgaçãoBrusque recebe oito policiais para fiscalização de medidas sanitárias – Foto: PM Brusque/Divulgação

Em Balneário Camboriú, de acordo com o comandante do 12º Batalhão, tenente-coronel Daniel Nunes, 24 policiais já integram temporariamente o efetivo.

Estes policiais devem trabalhar exclusivamente na fiscalização, compondo o Comitê de Crise, que também envolve a GMBC (Guarda Municipal de Balneário Camboriú), Agentes de Trânsito, Vigilância Sanitária, Fiscalização de Posturas, Corpo de Bombeiros Militar, e Polícia Civil.

De acordo com o comandante, o planejamento é para que sejam montadas barreiras nas entradas do município, que além de orientar e fiscalizar sobre as medidas sanitárias, também vão fiscalizar sobre as regras de trânsito.

Já em Itajaí, o 1º BPM (Batalhão de Polícia Militar) recebeu reforço de 12 policiais, que devem integrar a fiscalização nos estabelecimentos comerciais, conforme as regras impostas pelo novo decreto estadual. No município, não devem ser instaladas barreiras sanitárias.

O 18º BPM, que abrange Brusque, Gaspar e Guabiruba, recebeu reforço também de 12 policiais, dos quais quatro foram remanejados para Gaspar.

De acordo com o comandante do batalhão, tenente-coronel Otávio Manoel Ferreira Filho, os oito policiais restantes vão fiscalizar exclusivamente as regras impostas pelo novo decreto, nas cidades de Brusque e Guabiruba.

Participe do grupo e receba as principais notícias
de Itajaí e região na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
+

Polícia