Campanha leva ajuda ao soldado Esmeraldino em Criciúma, no Sul de SC

Baleado em assalto ao Banco do Brasil, o policial militar precisa de cuidados especiais e uma mobilização ganhou as redes sociais

Uma campanha de auxílio ao soldado da Polícia Militar de Criciúma, Jeferson Esmeraldino, de 32 anos, ganhou as redes sociais, através do WhatsApp. Com o intuito de arrecadar fraldas geriátricas, a campanha foi abraçada pelo comentarista esportivo da NDTV de Criciúma Renato Semenssati.

A intenção era que a campanha tivesse duração de dois dias, porém doações seguem chegando até o comentarista.  “Já ultrapassamos R$ 5 mil”, destaca. “Posso dizer que foi surpreendente e gratificante”, completa.  Além do valor em dinheiro, mais de 50 pacotes de fralda já foram arrecadados. 

O policial Jeferson Luiz Esmeraldino foi baleado durante assalto a banco em Criciúma – Foto: Reprodução/Redes SociaisO policial Jeferson Luiz Esmeraldino foi baleado durante assalto a banco em Criciúma – Foto: Reprodução/Redes Sociais

Esmeraldino foi baleado no abdômen durante o assalto ao Banco do Brasil, em novembro do ano passado e desde então está acamado, não consegue andar ou falar e está dependente para alimentação e outras necessidades. Através da Rádio Eldorado de Criciúma, onde, também atua,  Semenssati divulgou o pedido de ajuda que chegou para ele através de uma mensagem no WhatsApp.

“Eu recebi um WhatsApp em um grupo. Pedindo ajuda. Chequei se era real. Iniciei na rádio pedindo pacotes de fraldas. Um ouvinte que doou dinheiro sugeriu fazer um pedido no WhatsApp usando meu nome. Eu permiti e ele divulgou em outros grupos”, conta o comentarista.

O pedido chegou em diversos locais do Brasil, sendo que doações foram encaminhadas até do exterior. O ouvinte Edson Castanhetti foi quem auxiliou na campanha e criou uma mensagem para ser compartilhada pelo aplicativo de mensagens.

“Fiz um contato, o Semenssati mandou o pix e eu fiz uma contribuição e perguntei para ele se poderia anunciar em outros grupos, para divulgar para que outras pessoas que quisessem e pudessem ajudar, o fizessem”, explica Castanhetti. “O que pudermos fazer da nossa parte, vamos fazer por ele e, também, por outras pessoas”, destaca.

Confira a mensagem:

A Família do Sd. Esmeraldino ferido no assalto ao BB em Criciúma em dez/2020 está pedindo ajuda para a aquisição de fraldas geriátricas XG, visto que ele está acamado e sem movimentos. Está sendo cuidado pelos pais. Quem desejar contribuir com qualquer valor pode fazer um PIX para 083.712.138-83 e enviar o comprovante para (48) 99978-3609 – wa.me/5548999783609 – Renato Luis Semensati (Radialista da Rádio Eldorado) ou levar as fraldas até a Rádio Eldorado na Próspera/Criciúma/SC)

PM emite comunicado

Um comunicado assinado pelo comandante da 6ª Região da Polícia Militar, Evandro Fraga, que abrange o Sul de Santa Catarina, destaca o estado de saúde de Esmeraldino e os cuidados que ele vem recebendo.

Segundo o comunicado, a empresa SOS Home Care vem realizando os atendimentos domiciliares ao soldado com “técnicos de enfermagem 24h; fisioterapia duas vezes ao dia; fonoaudiólogo uma vez ao dia; terapeuta ocupacional três vezes na semana e nutricionista duas vezes ao mês”.

Além disso, o texto informa que Esmeraldino foi reformado por inatividade física, uma espécie de aposentadoria. Tendo em vista o estado de saúde em que se encontra.

+

Polícia

Loading...