Carga de cigarros é flagrada com nota fiscal falsa em Barra Velha

Segundo PRF, metade da carga que iria para Sombrio, no Sul do Estado, estava com uma nota fiscal falsificada

A PRF (Polícia Federal Rodoviária) flagrou uma nota fiscal falsa em uma carga de cigarros nacionais na manhã desta quarta-feira (16), em Barra Velha, no Litoral Norte do Estado. O caso foi descoberto por volta das 10h45 durante uma fiscalização na BR-101.

Carga tinha como destino a cidade de Sombrio, no Sul do Estado, e Porto Alegre no Rio Grande do Sul – Foto: PRF/Divulgação

De acordo com a PRF, ao ser parado, o motorista de uma carreta, carregada com 360 mil maços de cigarros nacionais e com placas do Rio Grande do Sul, apresentou três notas fiscais. Segundo ele, a carga vinha do Rio de Janeiro e seria entregue em Sombrio e Porto Alegre.

No entanto, a polícia achou estranho o destinatário de uma das notas ser uma empresa de Sombrio, que trabalha com vestuário e que tinha um endereço diferente do mencionado pelo motorista. As outras duas notas fiscais eram para a cidade gaúcha.

Os policiais, então, chamaram a Receita Federal para fazer a verificação, onde um fiscal constatou que a nota fiscal de quase metade da carga, que iria para Sombrio, era falsa, o que caracteriza crime tributário.

Empresas responsáveis pela carga serão investigadas – Foto: PRF/Divulgação

Por conta disso, o veículo e a carga foram retidos e encaminhados para Receita Federal. Já o motorista foi levado à Polícia Civil.

A Receita Estadual aplicou multa de cerca de R$ 400 mil na empresa que emitiu a nota falsa. Agora, a Receita Federal vai investigar tanto a empresa de destino quanto a que enviou a carga.

+

Polícia