Churrascaria que fazia espeto corrido com carne vencida é interditada em Itajaí

Operação da Polícia Civil cumpriu dez mandados de busca e apreensão em operação de combate ao roubo de cargas e crimes contra o consumo

Uma churrascaria foi interditada em Itajaí por comercializar carne vencida. O restaurante, que fica às margens da BR-101, anunciava espeto corrido a R$ 16,99. A operação foi deflagrada nesta sexta-feira (29).

Carne vencida virava espeto corrido às margens da BR-101. – Foto: Polícia Civil/DivulgaçãoCarne vencida virava espeto corrido às margens da BR-101. – Foto: Polícia Civil/Divulgação

A operação, comandada pelo delegado Osnei Valdir de Oliveira, da Delegacia de Furtos e Roubos de Cargas da DEIC (Diretoria Estadual de Investigações Criminais), cumpriu dez mandados de busca e apreensão em Itajaí e em Balneário Piçarras. 

Dez mandados de busca e apreensão foram cumpridos. – Foto: Polícia Civil/DivulgaçãoDez mandados de busca e apreensão foram cumpridos. – Foto: Polícia Civil/Divulgação

Uma arma também foi apreendida, além da carne vencida. A Vigilância Sanitária de Itajaí acompanhou a ação. A Operação “El Patron” investiga roubo de cargas e crimes contra as relações de consumo em Santa Catarina.

Mais informações em breve.

Acesse e receba notícias de Itajaí e região pelo WhatsApp do ND+

Entre no grupo
+

Polícia