Cultura do estupro: Nada justifica a violência – Parte 2

A decisão do caso de estupro da influencer Mariana Férrer foi vergonhosa. Ela alega que foi dopada e estuprada por um empresário, num beach club, em Florianópolis, em dezembro de 2018. A audiência criminal que absolveu o réu aconteceu em setembro e as imagens vieram a tona nesta terça-feira (03). É um caso muito grave, que nós não temos acesso a todos os detalhes, até porque corre em segredo de justiça. mas, independentemente do que aconteceu, o que vamos conversar agora é sobre o que pode motivar e/ou justificar um estupro: nada!

+

Ver Mais Oeste

Loading...