Família procura menina desaparecida desde domingo em Araquari

Tainara Lopes Pinheiro foi vista pela última vez no fim da tarde de domingo (2), no bairro Itinga; Polícia Civil também já iniciou buscas pela adolescente

Uma adolescente de 12 anos está desaparecida em Araquari, no Norte do Estado. Tainara Lopes Pinheiro foi vista pela última vez no final da tarde de domingo (2), quando estava na casa da mãe, no Loteamento Santo Antônio, no bairro Itinga.

Tainara está desaparecida desde o último domingo (2) – Foto: Arquivo Pessoal/Divulgação

Segundo Jean Carlos Lopes Pinheiro, pai da adolescente, ela havia ido para casa da mãe na quinta-feira (30) para passar o fim de semana e voltaria, a princípio, nesta segunda (3).  Porém, no domingo a mãe de Tainara foi até a casa de Jean e informou que a filha havia desaparecido.

“Ela chegou na minha casa por volta das 23h, chorando e dizendo que a Tainara tinha desaparecido por volta das 18h, 19h da noite. Foi aí que começamos a procurar a minha filha”, conta.

A família, então, passou a fazer buscas em cidades da região para tentar localizar a adolescente. Porém, até a manhã desta terça-feira (4) ainda não havia notícias do paradeiro de Tainara. Segundo o pai, ela estaria vestindo uma bermuda jeans escura, jaqueta jeans e uma blusa.

Polícia Civil também iniciou as buscas pela adolescente – Foto: Arquivo Pessoal/Divulgação

Além disso, familiares também tentaram rastrear o celular de Tainara, mas o telefone aparece como desligado.

“Ela é uma pessoa tranquila. Também não sabemos dizer se ela tinha algum namorado. Até cheguei a perguntar para a mãe dela, mas me garantiu que não”, desabafa o pai.

Polícia Civil já iniciou as buscas

Um boletim de ocorrência já foi registrado na Delegacia da Polícia Civil em Araquari.  Segundo o delegado Thiago Escudero, que está a frente do caso, a polícia trabalha, agora,  para reconstituir os últimos passos da adolescente.

“O foco é encontrar a menina. Ainda não dá para saber se foi uma fuga do lar, sequestro ou outra coisa. Queremos encontrar primeiro, depois vamos ver o que realmente ocorreu”, explica.

Além da polícia, o Conselho Tutelar também foi acionado. Qualquer informação a respeito do paradeiro de Tainara pode ser informado pelo número 190.

+

Polícia